Imagina o conceito em que é possível criar diversas palavras, como aquelas brincadeiras de crianças, em que elas querem criar o seu próprio alfabeto para que possam se comunicar só entre elas, sem que mais ninguém saiba ou entenda o que elas estão dizendo?

Agora com isso em mente, você estará vivendo num mundo em que aquilo que imaginou e acredita ser o certo estará acontecendo, onde palavras nunca antes ditas se fazem presentes de forma natural e, por mais que você nunca as tenha ouvido antes, elas são mais fáceis de entender do que você imagina.

Esse processo de criação de palavras existe e a ele se dá o nome de neologismo. Para entender melhor o que está sendo falado, fique por aqui e observe os itens abaixo.


O que é neologismo?

Neologismo é o nome que se dá ao processo de criação de uma nova palavra na língua devido à necessidade de nomear novos objetos ou novos conceitos que estão ligados a diversas áreas, como tecnologia, arte, economia, esportes, entre tantas outras.

É basicamente a formação de uma nova expressão ou de um novo termo de uma determinada língua, onde este surge justamente para que possa cobrir alguma lacuna permanente ou temporária sobre o conceito pelo qual ainda não há uma palavra que seja definitiva sobre aquilo que se quer dar o nome.

De uma forma bem simples, entende-se por neologismo, a criação de novas palavras num determinado idioma.


Como são formados os neologismos?


neologismos

Um neologismo pode ser criado a partir de diversos processos, sendo eles o de justaposição, aglutinação, prefixação, sufixação, abreviação, importação de vocábulos existentes em outra língua ou então, através de um novo sentido dado a uma palavra já existente.

É comum e faz com que o idioma se desenvolva cada vez mais a criação de novas palavras. Com o tempo, essas novas palavras vão sendo adicionadas aos dicionários e passam a fazer parte do vocabulário das pessoas.

O neologismo criado pode vir de diferentes formas, como o neologismo popular, que é criado pelos próprios falantes, seja nas conversas no cotidiano, seja com o uso frequente de gírias, ou então, através da comunicação pela internet, nas salas de bate-papo, entre outras.

Quando é a ciência quem é a responsável por dar novos nomes aos aparelhos e as máquinas inventados e também, introduzir novos termos técnicos na linguagem, atribui-se o nome de “neologismo científico” ou simplesmente, “neologismo técnico”.

Já o neologismo literário se dá quando há a criação de novas palavras pelos escritores, compositores de músicas e poetas.

O neologismo estrangeiro ou “estrangeirismo” são as palavras que foram incorporadas de outros idiomas. Algumas delas foram aportuguesadas, ou seja, mudaram a sua forma de escrita para que pudessem ser compreendidas por todos. Como exemplo, pode-se citar “football”, futebol e “baby”, bebê.

O neologismo também pode receber o nome de “neologismo completo”, quando ele é criado de acordo com a forma e o sentido da palavra, como exemplo, microfone. E também pode ser chamado de “neologismo incompleto”, quando as palavras já existem no idioma, mas recebem novos significados, como papudo, que tem grande papo, mas também significa pessoa arrogante.

Leia também! Assuntos relevantes