História dos Negros


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


História dos Negros

Por Juliana Miranda

Os negros têm uma história de segregação, preconceito e resistência em várias partes do mundo. O povo negro sofreu historicamente com a escravidão, num período em que eram retirados do continente africano em navios negreiros e levados a várias colônias europeias para trabalharem em lavouras de grandes fazendas, sem direitos e sem liberdade.

No Brasil, a escravidão contemporânea colocou os negros africanos numa situação de grande sofrimento, trabalhando em minas e em plantações em condições totalmente insalubres. Os negros também eram direcionados aos trabalhos das casas grandes, onde viviam os senhores de escravos. Os negros, por sua vez, vivam em senzalas.

O comércio de escravos seguia rotas intercontinentais, e era movimentado pelos europeus no século XVI. A importação de mão-de-obra acontecia principalmente na África. A escravidão só começou a ser deixada de lado com o surgimento do ideal liberal e do capitalismo, que exigia um mercado consumidor e passou a considerar a escravatura pouco produtiva.

Em Portugal, a escravidão continental foi proíbida em 12 de Fevereiro de 1761. No Brasil, o fim da escravatura aconteceu apenas em 1888, mas em 1850 o país já contava com a Lei Eusébio de Queirós, que punia os traficantes de escravos.

O Brasil foi o último país ocidental a abolir legalmente a escravidão. Já no mundo moderno, a Mauritânia foi o último país a acabar com a escravidão, em 1981.

Os negros são considerados pessoas de ascendência subsaariana. Por muitos anos, a cor da pele levou os povos com origem africana a viverem sob um estigma social. O histórico de preconceito tem uma ligação direta com a antiga condição dos escravos, que eram trazidos para países da América, como Brasil, Estados Unidos e alguns países do Caribe.

Mesmo no continente africano, os negros viveram o preconceito durante o regime do apartheid, na África do Sul. Neste período, os negros não eram considerados cidadãos com pleno direito e viviam marginalizados.

A segregação racial também esteve presente nos Estados Unidos de maneira intensa. Os resquícios de preconceito histórico ainda acompanham os negros e, apesar de hoje eles viverem melhor e terem mais acesso à educação e a uma vida digna, ainda existem diversas barreiras a serem superadas em busca da igualdade racial em diversos países do mundo.

A principal luta é pela igualdade de oportunidades e desenvolvimento profissional. Segundo dados de uma pesquisa realizada pelo sociólogo David Willians, do Instituto de Pesquisas Sociais da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, ainda hoje, para cada dólar pago a um branco, um negro recebe o equivalente a 40% do valor. A discriminação é forte em países da Europa, principalmente na França e na Itália.

Nos Estados Unidos, a eleição de Barack Obama, o primeiro presidente negro do país, demonstrou avanços com relação ao preconceito dos norte-americanos brancos. Os afro-americanos têm lutado por seus direitos e conquistado diversas vitórias.

No Brasil, a condição do negro ainda está melhorando. Diversas políticas afirmativas tentam reduzir as desigualdades históricas entre brancos e negros.

Hoje, a população negra mundial está bem espalhada pelo planeta, sendo que as regiões do Caribe, Colômbia, Venezuela, Peru, Equador, Brasil e Uruguai têm uma grande e forte população negra.






[ Pesquisa escolar lida 155369 Vezes - Categoria: História ]


Leia também! Assuntos relevantes.

Escravos
A condição de escravo identifica-se com o estado de dependência total de uma pessoa por outra, sendo que o escravo, privado dos meios de produção, se ...
Lido: 35568 Vezes

Etnias Africanas
O continente Africano tem vários grupos étnicos. A estimativa é que existam mais de 100 etnias na África, cada uma com sua cultura e dialeto próprios....
Lido: 6482 Vezes

Aspectos gerais da África
A África é um continente rico em cultura, natureza e biodiversidade. Os aspectos naturais são os que mais chamam a atenção nesse continente. Geogra...
Lido: 2430 Vezes

Abolição da Escravatura no Brasil
Em praça pública, para servirem de exemplo aos demais, os negros sofriam .seus castigos. A escravidão negra no Brasil, iniciada, segundo alguns autore...
Lido: 47224 Vezes

África na Atualidade
A África é um continente de contrastes e que ainda sofre com a pobreza e com várias doenças que atingem a população mais vulnerável. A África da atual...
Lido: 3073 Vezes

Buracos Negros
A primeira idéia sobre a possibilidade da existência de buracos negros surgiu em 1783, quando John Michell, um astrônomo inglês, propôs que poderiam e...
Lido: 13503 Vezes

Africa Portuguesa
As colônias ultramarinas portuguesas foram as que mais tardiamente conquistaram sua independência, todas após 1970. Isso porque Portugal mantivera-se,...
Lido: 21642 Vezes

Literatura Africana
Literatura oral e escrita do continente africano A África possui uma rica e variada literatura que foi se desenvolvendo através dos tempos. Sua liter...
Lido: 45664 Vezes

Abolição
Nome dado, na história do Brasil, ao episódio de libertação dos escravos, concretizado em 1888 com a assinatura da Lei Áurea pela princesa Isabel. ...
Lido: 23394 Vezes

Como viviam os escravos no Egito Antigo?
Os escravos do Egito Antigo faziam parte de um grupo reduzido, que se dedicava a diversos tipos de atividades, como artesanato, serviços de casa, trab...
Lido: 2576 Vezes

Estudantes Online | Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Sendo um veículo de comunicação, não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2014 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados