Exames Pré-natal

Exames Pré-natal

Por

Durante a gestação toda mulher deve ser acompanhada por um médico. Os exames pré-natal servem para garantir a saúde da mãe e do bebê desde os primeiros meses de gravidez até o momento do parto.

O acompanhamento pré-natal é capaz de evitar diversas doenças e complicações durante a gestação. Os exames contribuem para que a mulher tenha uma gravidez tranquila, e reduzem as chances de parto prematuro e aborto.

Os exames pré-natais também são importantes para orientar a futura mamãe sobre a gestação e o parto. As consultas devem acontecer mensalmente, e os exames são divididos entre os trimestres da gestação.

Conheça os principais exames do Pré-natal:

Hemograma – Esse exame avalia todos os compostos do sangue materno, como glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. O exame é importante para indicar possíveis anemias e problemas no sistema imunológico.

Glicemia - O exame de glicemia em jejum indica a quantidade de glicose no sangue da mãe. O exame é fundamental para diagnosticar diabetes gestacional e queda de glicemia na gestante.

Sorologia para HIV e VDRL – Esses exames indicam se a mãe é soropositiva para HIV, e se está contaminada com a bactéria causadora da sífilis. Os exames são importantes para evitar que a mãe transmita o vírus para o bebê.

Sorologias para hepatite B e C e para citomegalovírus – Esses exames indicam se a mãe tem doenças que possam afetar o desenvolvimento do bebê. O citomegalovírus pode causar má formação, e as hepatites B e C podem ser transmitidas para a criança.

Ultrassonografia – O exame de ultrasson deve ser feito, no mínimo, quatro vezes durante a gestação. A futura mamãe deve fazer o exame no começo do pré-natal para saber a idade gestacional do feto; entre as semanas 11 e 14 para saber como está o desenvolvimento do bebê; entre as semanas 20 e 24 para avaliar a morfologia do bebê; e na 32ª semana para saber se o bebê está na posição correta para o parto.