Livros em Oferta

Sexualidade

Celulares em Oferta

Um dos assuntos mais delicados entre os seres humanos é a sexualidade. Enquanto discutido como ciência, o tema é mais fácil de ser aceito dentro das escolas, entre a família e religião. Quando a sexualidade é abordada como comportamento, vários fatores são levados em questão e o embate fica mais delicado, pois envolve várias facetas, entre elas as seguintes:

  • Culturais;
  • Históricas;
  • Econômicas;
  • Sociais;
  • Psicológicas;
  • Religiosas.

A OMS, Organização Mundial da Saúde, apresenta uma definição para a sexualidade, tão importante que exerce influência na nossa maneira de pensar e agir, em como nos movemos e nos sentimos, em ser sexual e sensual, pois se trata de uma energia necessária para a intimidade, a ternura, o contato e o amor.

A amplitude da definição de sexualidade mostra como ela está presente na nossa vida de várias maneiras. E é na adolescência que suas características, enquanto comportamento, começam a ficar mais evidentes entre os seres humanos.

Em um período conhecido como puberdade, os seres humanos passam por transformações hormonais, físicas e psicológicas para que, nossa espécie, seja capaz de se reproduzir. Uma das manifestações mais evidentes é a primeira menstruação feminina.

Também são consideradas outras mudanças, como a alteração no tom de voz e o aparecimento de pelos pubianos. O comportamento também começa a mudar bastante, e é nesse período que é mais comum a afirmação da identidade de gênero.

Na sexualidade, identidade de gênero significa se definir como mulher, homem ou ambos. Cada pessoa faz sua própria definição, sem relação com a orientação sexual ou com o sexo biológico.

Com certeza, em termos de comportamento, este é um dos momentos mais difíceis e decisivos da vida do ser humano, já que é importante para que ele seja reconhecido pela sociedade da maneira como ele quer.

Casal deitado na cama

A orientação sexual, na sexualidade, é diferente. Tem relação com a atração sexual: se um menino gosta de uma menina, uma menina é atraída por outra menina ou se gosta de ambos os sexos. Para ficar mais claro, o termo mais usado atualmente é “opção sexual”. O heterossexual sente atração por pessoas do sexo oposto, o homossexual por pessoas do mesmo sexo e o bissexual por ambos.

A sexualidade, como dizíamos, enquanto espécie, é muito importante para nossa reprodução. Não é raro que meninas adolescentes, entre 12 e 18 anos de idade, fiquem grávidas. A falta de informações para prevenir a gravidez precoce é o principal problema que impede o planejamento familiar, principalmente entre as pessoas com maior vulnerabilidade social.

A gravidez precoce gera uma série de problemas, tais como a busca por aborto clandestino, dificuldade para conseguir emprego, abandono escolar e até depressão. O método contraceptivo mais acessível é o uso de preservativo, a camisinha, distribuída gratuitamente nos postos de saúde em todo o Brasil.

Em alguns casos, quando possível, o casal pode preferir fazer o uso de pílula anticoncepcional. Neste caso, é necessário passar por uma consulta médica. O mais comum é a mulher procurar um ginecologista antes do início da vida sexual.

O uso de camisinha ou preservativo também é importante para a prevenção de IST – Infecções Sexualmente Transmissíveis, entre as quais estão as seguintes:

Sexualidade

Por

Compartilhe