A hipófise é uma glândula localizada em nosso cérebro. Chamada também de pituitária, ela tem uma função vital no nosso organismo. Veja:

  • Regula o trabalho da tireoide;
  • Regula o trabalho das glândulas suprarrenais;
  • Produz prolactina;
  • Regula o trabalho dos testículos e ovários;
  • Atua sobre os hormônios da oxitocina, antidiurético e do crescimento;
  • Entre outras funções.


Como é a hipófise?

A hipófise fica na base do encéfalo. A glândula é bem pequena, tem o tamanho de uma ervilha e pesa no máximo 1 grama. Seu diâmetro é de 1 cm. Mesmo sendo uma glândula bem pequena, sua importância é vital para o nosso organismo.

Localização da Hipófise


Divisão da hipófise

Adeno-hipófise

Originada no tecido epitelial, ela libera os hormônios através do hipotálamo. Isso é essencial para a produção de diversos hormônios endócrinos.

Neuro-hipófise

Originada no prolongamento do hipotálamo, esta parte da hipófise é feita com tecidos nervosos, secretando hormônios neurológicos.


Doenças na hipófise

Normalmente, os médicos identificam um problema de saúde na hipófise quando percebem, através de exames de sangue de rotina, que alguns destes hormônios estão sendo produzidos em quantidades elevadas, além do normal, ou quando o paciente apresenta carência dessas substâncias.

A maioria destes problemas é resultado de um nódulo na hipófise. O médico responsável pelo diagnóstico e tratamento é o endocrinologista, pelo menos na etapa inicial do problema de saúde. As principais doenças da hipófise são as seguintes:

  • Hipopituitarismo;
  • Diabetes insípidos;
  • Prolactinoma;
  • Doença de Cushing;
  • Acromegalia;
  • Entre outras.

O aumento dos níveis de prolactina é um dos grandes indicativos de doença na hipófise. Mas os pacientes também costumam se queixar de redução do campo de visão e dor de cabeça.

No caso da acromegalia, há perda dentária, crescimento elevado dos pés e das mãos, dentes com espaço, crescimento dos lábios, nariz e tórax, além de volume do queixo.

A prolactinoma leva à lactação nas mamas, redução da libido e alteração no ciclo menstrual.

No caso da Doença de Cushing, o rosto fica bastante arredondado, parecendo uma lua cheia, há perda de massa muscular, os braços e pernas ficam afinados, o paciente apresenta aumento da gordura abdominal, hipertensão e diabetes. Como a pele sofre um afinamento, os sangramentos também se tornam mais comuns.

Quando o médico descobre alguma doença na hipófise, é necessário fazer o tratamento conforme o problema encontrado. Geralmente, a terapêutica é feita com medicação, procedimento cirúrgico e radioterapia.

Fazer exames de rotina é fundamental para descobrir, precocemente, alguma doença na hipófise.


Veja também:

Corpo Humano

Sistema Nervoso