Faixa de transição morfoclimática - Domínios morfoclimáticos

As faixas de transição morfoclimáticas são objeto de estudo da geografia. Todos os domínios morfoclimáticos existentes representam o conjunto formado por relevo, clima e vegetação, que dão origem às características e paisagens de determinado ambiente.

Algumas regiões são consideradas especiais e individualizadas justamente por conta dessas características que originam e diferenciam os domínios morfoclimáticos. No Brasil, a definição e classificação dos domínios foi feita pelo geógrafo Aziz Ab’Saber.

Em resumo, os domínios morfoclimáticos são as combinações dos elementos naturais que caracterizam uma região, dando origem a uma paisagem única. O Brasil possui seis domínios morfoclimáticos importantes. Saiba quais são eles!


Quais são os domínios morfoclimáticos?

Os domínios morfoclimáticos do Brasil são:

Domínio Amazônico – Localizado majoritariamente no norte do Brasil. É extremamente rico em diversidade de espécies animais e vegetais. É formado por áreas baixas, planaltos e planícies, tem vegetação típica como matas de terra firme, igapós e matas de várzea. Tem sofrido um desmatamento permanente ao longo dos anos por conta de atividades econômicas como a pecuária, agricultura, indústria madeireira e mineração. Também é chamado de Domínio Equatorial Amazônico.

Leia: Amazônia

Domínio dos Mares de Morros – Está localizado ao longo do litoral do Brasil, sua vegetação é Floresta Tropical Úmida e Mata Atlântica. Possui mais de 20 mil espécies na vegetação típicas, e um destaque é o Pau-Brasil, árvore que foi intensamente extraída, provocando grande devastação. Hoje, restam apenas 7% da mata original que cobria o país em sua zona costeira atlântica.

Domínio dos Cerrados – Está na região central do Brasil (Centro-Oeste). Possui planaltos e chapadões. A formação vegetal tem árvores de médio porte e arbustos. Durante a construção de Brasília, Capital Federal, o cerrado passou por intensa degradação, principalmente por causa da construção de estradas.

Leia: Cerrado

Caatinga – Típica do sertão nordestino. Essa região tem clima semiárido, baixa quantidade de chuvas e plantas xerófilas adaptadas ao clima seco.

Leia: Caatinga

Domínio das Araucárias – Localizado na região sul do Brasil. Tem formação de planaltos, vegetação com Mata de Araucárias ou Pinhais e clima subtropical.

Leia: Mata de Araucária

Domínio das Pradarias – Corresponde aos Pampas Gaúchos, área no extremo sul do Rio Grande do Sul. Tem pampas e pradarias, vegetação rasteira e relevo ondulado.


O que são os domínios florestados?

Os domínios florestados são aqueles que possuem florestas, como, por exemplo, a Mata de Araucárias, a Mata Atlântica e a Floresta Amazônica.

Floresta de transicão


O que é um ecossistema e bioma de transição?

Os ecossistemas e biomas de transição são as áreas que ficam entre os principais biomas brasileiros, onde a vegetação, o relevo e o clima começam a mudar de um domínio morfológico para outro.

Estas regiões também são chamadas de zonas de transição. Existe, por exemplo, o bioma de transição entre o Cerrado e a Amazônia, uma área com mais de 414.007 km², que conta com as típicas florestas secas de Mato Grosso.


Veja também:

Biomas Brasileiros