Informações sobre o Coronavírus - Covid-19

O ano de 2020 foi marcado pela pandemia de Coronavírus, uma doença que se manifestou inicialmente na China e que rapidamente se espalhou por todos os continentes do planeta. No início de março, a OMS, Organização Mundial da Saúde, declarou o estado de pandemia, devido ao aumento progressivo de registros de casos suspeitos, casos confirmados e mortes por Coronavírus.

Chamada de Covid-19, a doença teve seu primeiro diagnóstico em Wuhan, na China, no dia 31 de dezembro de 2019. Em pouco tempo, novos casos foram surgindo no país e em outras nações. O continente asiático, a Europa e os Estados Unidos foram as primeiras regiões a relatarem preocupação com a doença.

A transmissão da Covid-19 se intensificou principalmente no Irã e na Itália. Os países ficaram em estado de atenção e emergência, com seus moradores sendo orientados a ficarem reclusos em casa para evitar a propagação do vírus. Com o crescimento rápido da doença, o Brasil também passou a adotar medidas de segurança e prevenção.

O primeiro caso confirmado no Brasil foi a de um homem de 61 anos, registrado em 25 de feveiro de 2020, ele havia viajado para a Itália.

Em março, os Estados brasileiros já registravam mais de 1.619 casos confirmados da doença (dados de 23 de março de 2020), a maioria no Estado de São Paulo, com 25 mortes. O número de pacientes suspeitos já ultrapassava a marca dos 2 mil.


Mapas do Coronavírus - Dados em Tempo Real

1- Mapa da Covid-19 em tempo real - Microsoft


Mapa do Coronavirus - Microsoft
Clique aqui

Confira os dados em tempo real: Rastreador do COVID-19 - Microsoft

2 - Mapa do Covid-19 - Casos em todo o mundo - Center for Systems Science and Engineering (CSSE)


Mapa covid19 CSSE
Clique aqui

Confira os dados em tempo real: Casos Globais do Coronavírus - Center for Systems Science and Engineering (CSSE)

3 - Mapa Global em Tempo Real do Coronavírus - Covid-19


Mapa covid19 em tempo real
Clique aqui

Clique na região do mapa para visualizar os dados: Covid Visualizer


O surto da doença continua assustando as pessoas em todas as partes do mundo, o que levou ao fechamento de fronteiras e ao cancelamento de rotas de voos em vários países. Os impactos econômicos da pandemia também são incalculáveis.

Os dados iniciais mostravam um cenário com mais de 350 mil casos do Coronavírus registrados em mais de 167 países. As mortes já passaram de 15 mil ocorrências e mais de 100 mil pessoas conseguiram se curar da doença. Até o fechamento da matéria, foram confirmados 8.856 óbitos.


Sintomas do Coronavírus

Os primeiros sintomas são semelhantes aos de uma gripe comum, com febre, nariz congestionado, espirros, tosses, fadiga e dores pelo corpo. É preciso ficar atento aos sinais respiratórios, como dificuldade para respirar. O tempo de encubação da doença é de até 20 dias. Os primeiros sinais se manifestam após 14 dias do contágio, em média.

Representacao do covid-19
Representação do Coronavírus (COVID-19). Crédito da imagem: CDC / Unsplash

Pessoas com histórico de viagem ao exterior devem ter atenção redobrada, especialmente para quem viajou para regiões com muitos registros de coronavírus (Covid-19). A doença precisa ser confirmada em teste realizado em laboratório. Os grupos de maior risco são idosos, crianças e pessoas com doenças crônicas e preexistentes.

Na lista de nações com casos confirmados, estão: Itália, Estados Unidos, Japão, Singapura, Emirados Árabes, Coreia do Sul, Coreia do Norte, Tailândia, Austrália, Filipinas, entre outros países. O coronavírus é transmitido pelas secreções e pelo contato direto com pessoas contaminadas, em uma distância menor do que dois metros.

Os casos suspeitos precisam ser notificados de forma imediata para os serviços de saúde pública no Brasil. A recomendação é que as notificações aconteçam em até 24 horas.


Prevenção do Coronavírus

As recomendações de prevenção são aquelas estipuladas pela OMS. Pessoas com quadro gripal devem ficar em quarentena. É importante manter o isolamento social, lavar bem as mãos, se manter hidratado e bem alimentado. Evitar locais com aglomeração de pessoas, como shoppings, cinemas, teatros e outros ambientes.

A doença tem risco de morte, principalmente para idosos e outras pessoas mais debilitadas ou com baixa imunidade, causando síndrome respiratória aguda grave. No tratamento, os médicos têm usado oxigênio nasal de alto fluxo ou ventilação.

Mulher de Mascara, coronavirus

O pico da pandemia ainda não foi atingido, o que causa mais preocupação e faz necessário que ações preventivas sejam adotadas por todos. No Brasil, o Ministério da Saúde recomendou a antecipação de férias escolares, suspensão de eventos e isolamento de viajantes internacionais. É preciso que todos os esforços sejam feitos para reduzir os casos de transmissão local.


Novo coronavírus

Esse novo vírus causa doença respiratória. O agente é o chamado coronavírus, uma família viral que já é conhecida desde a década de 1960, mas que, agora, se manifestou de uma forma inédita no mundo.


Crédito da Imagem da Capa: Fusion Medical Animation / Unsplash

Cartilha para tirar dúvidas sobre o Coronavírus - Ministério da Saúde do Brasil: Clique e faça o download!

Leia também: Gripe Espanhola

Informações sobre o Coronavírus - Covid-19



Por

Compartilhe