Se uma epidemia se alastra de uma forma descontrolada, a ponto de uma doença atingir uma região inteira, ela é classificada como pandemia. Na história existem casos marcantes e inesquecíveis, na Europa, África, Ásia e América, onde populações foram dizimadas pela peste, gripe e tifo.

Na pandemia, os índices de contágio são elevados, porque a transmissão da doença é mais fácil, geralmente acontece em pessoas sem imunidade, pois se trata de uma nova doença que se espalha muito rapidamente. A pandemia é caracterizada, ainda, por infecção que atinge seres humanos em larga escala, normalmente sendo uma enfermidade nova.

Na nossa história, alguns casos de pandemia foram inesquecíveis, muito dramáticos e atingiram cidades e áreas imensas de países.


Pandemia de Febre

A febre tifoide foi chamada de Peste do Egito, espalhou-se durante a Guerra do Peloponeso, matando 25% do exército de Atenas durante a batalha. A doença chegou em 430 a.C.

Em 170 d.C., começou a Praga de Antonine, tendo aparecido novamente por volta dos anos de 250. Acredita-se que essa tenha sido uma pandemia de varíola, sendo que, em Roma, no segundo episódio da pandemia, aproximadamente 5 mil pessoas morriam todos os dias.

Em 541, a pandemia chamada de Peste de Justiniano também chegou a aniquilar mil pessoas todos os dias, um número assombroso. Conhecida também como Peste Bubônica, a doença se espalhou rapidamente do Egito até Constantinopla. A doença voltaria mais tarde, no ano 1300, em uma pandemia chamada de Peste Negra, atingindo a Europa e matando 20 milhões de pessoas.


Pandemia de Cólera

A cólera também foi uma doença que provocou pandemia ao longo da história. Chamada também de Cólera Asiática, uma pandemia foi registrada na China e na Índia em 1826. A enfermidade é provocada por uma bactéria que irrita o intestino, causando uma infecção.

Depois de atingir a Ásia, a pandemia de cólera chegou à América do Norte, África e Europa, tendo aparecido por último na União Soviética.


Pandemia de Gripe

As pandemias de gripe também foram muito dramáticas na história. Na Europa e na África, os primeiros casos foram registrados depois de 1500. A doença se espalhou também pela Europa, chegando ao ápice em 1918, com a Gripe Espanhola.

A gripe é uma doença viral de fácil contágio. Antes disso, a Gripe Asiática atingiu a Ásia, para retornar no final dos anos 1950. Outros casos de pandemia de gripe foram registrados na história da humanidade, como em 2009, com a Gripe Suína.


Outros casos de pandemia

A pandemia de tifo também matou muitas pessoas na Europa, especialmente em 1489, na Espanha. A Rússia também registrou casos em 1812. Na Segunda Guerra Mundial, nos campos de concentração, o tifo voltou a se espalhar entre os presos.

Veja também:

Gripe Espanhola

Gripe H1N1