Muitas vezes ouvimos falar de chuva ácida e, na verdade, esse fenômeno de grande relevância ambiental é um problema em termos de poluição: vamos descobrir o que é e quais são as consequências da chuva ácida em nossa saúde e no ecossistema em que vivemos.


O que são as chuvas ácidas?

As chuvas ácidas são chuvas (que também podem ocorrer na forma de neve ou granizo) ricas em partículas e moléculas de ácido que são normalmente encontradas na atmosfera, mas devido a esse fenômeno são depositadas no solo.

Na chuva ácida encontramos principalmente o ácido sulfúrico (70%) e os óxidos de nitrogênio (30%): esses compostos fazem com que o pH da água seja menor que 5 e, por esse motivo, a chuva pode ser definida como ácida. Em condições normais, no entanto, a chuva tem um pH entre 5 e 6,5, porque é composta exclusivamente de água destilada e poeira atmosférica.


Quais são as causas da chuva ácida?

A formação de chuva ácida é devida a um aumento de dióxido de carbono (CO2) na atmosfera, óxidos de enxofre e óxidos de nitrogênio (este último em pequena escala). Este aumento pode ser determinado por causas naturais, mas também e sobretudo pela atividade humana, que já consideramos responsável pelo Efeito Estufa e pelo Aquecimento Global. 

O uso maciço de combustíveis fósseis pelo homem só piorará essa situação, causando mais e mais quantidades de chuva ácida, se não chegarmos a uma solução para o problema.

chuva ácida


Quais são as consequências das chuvas ácidas?

As chuvas ácidas e sua intensificação progressiva têm consequências devastadoras, não só para nossa saúde, mas também para a sobrevivência do próprio ecossistema.


Danos à saúde humana

A chuva ácida afeta e aumenta os níveis de toxicidade dos alimentos que são cultivados: isso tem sérios efeitos sobre a nossa saúde, que podem ocorrer com doenças circulatórias, problemas respiratórios, mas também com formas tumorais, especialmente os pulmões.


Danos ao meio ambiente

Naturalmente, mesmo o ambiente natural está exposto a um alto risco devido à intensificação da chuva ácida: isso de fato afeta o crescimento e a capacidade reprodutiva das plantas, reduzindo-as drasticamente.


Danos às estruturas

A chuva ácida causa, a longo prazo, sérios danos às estruturas: o ácido sulfúrico tende a corroer o material acelerando a decomposição. Isso se aplica à maioria dos materiais usados ​​na construção civil, incluindo concreto armado.


Como o problema poderia ser limitado?

O problema da chuva ácida pode ser limitado pelo uso reduzido de combustíveis fósseis pelas indústrias, mas também por cada indivíduo. Já falamos sobre carros elétricos e fontes de energia renováveis: essas são as soluções que, esperamos, no futuro, levarão todos os países a adotar um estilo de vida diferente e ambientalmente correto.

Os problemas ambientais relacionados com a poluição (efeito estufa, aquecimento global, chuvas ácidas) já estão na mesa para discussão dos países desenvolvidos e espera-se que, eventualmente, conseguir encontrar uma solução permanente que, pelo menos conter um problema que está a assumir dimensões realmente alarmante. Enquanto isso, nós, em nosso pequeno caminho, só podemos tentar limitar o uso de combustíveis fósseis. 


Veja também:

Efeito estufa

Problemas Ambientais Globais

Água

Leia também! Assuntos relevantes