Resumo do Futurismo

Resumo do Futurismo

Por

O futurismo é um movimento artístico e literário. Essa corrente surgiu em 20 de fevereiro de 1909 graças à publicação do Manifesto Futurista, do poeta italiano Filippo Marinetti. O texto foi publicado no jornal francês Le Figaro.

O futurismo tinha muitos adeptos que rejeitavam o moralismo e as formas ultrapassadas de arte. O movimento estava baseado na velocidade do desenvolvimento tecnológico do final do século XIX.

Os primeiros futuristas europeus influenciaram os movimentos modernistas. O slogan mais conhecido do futurismo foi “Les mots en liberté” (Liberdade para as palavras). A corrente futurista defendia um design tipográfico mais moderno para jornais e propagandas, e também pediam a exploração do lúdico.

Os futuristas eram contra a linguagem vernácula e defendiam o uso de onomatopéias. Essas características também influenciaram o dadaísmo, o concretismo, a tipografia moderna e o design gráfico pós-moderno.

O futurismo influenciou vários artistas modernistas, como Oswald de Andrade e Anita Malfatti. Esse movimento também teve influências na Semana de Arte Moderna de 1922.

O movimento foi uma forma de renovar as letras e as artes. O movimento futurista foi caracterizado como uma escola de cunho artístico que desprezava o padrão moral e os valores do passado. O movimento defendia um novo paradigma estético.

Para os futuristas, a publicidade era o principal meio de comunicação. Eles não colocavam fronteiras e obstáculos entre a arte e o design.

Leia também! Assuntos relevantes