Genética

Por

A genética é uma área de extrema importância dentro da Biologia. Essa é a ciência que estuda a hereditariedade e tenta explicar o processo de transmissão de características de geração para geração.

A palavra genética vem do grego geno e significa “fazer nascer”. Neste campo de estudo, os pesquisadores analisam os genes, a hereditariedade e a evolução dos seres vivos. Por meio da genética, conseguimos compreender as características biológicas dos seres humanos e como elas são repassadas aos descendentes.

Na primeira vez em que o termo genética foi utilizado, ele apareceu em um estudo sobre a variação e hereditariedade, publicado pelo cientista William Bateson. O termo surgiu em 18 de abril de 1908.

A genética é importante, pois possibilita avanços no conhecimento das funções dos genes. Com a precisão de dados genéticos, os estudiosos conseguem trabalhar no cruzamento de espécies, novos tratamentos para doenças, processos de fertilização, modificação genética, ciclos reprodutivos dos organismos vivos, entre outros aspectos.

Os primeiros experimentos e leis da genética foram realizados por Gregor Mendel, em 1866. O pioneirismo de Mendel garantiu a ele o título de “pai da genética”. Gregor Mendel desenvolveu pesquisas com ervilhas para explicar o cruzamento entre organismos híbridos e as diferenciações entre seus descendentes.

Outro nome que merece destaque na área da genética é Morgan, que apresentou informações relevantes sobre a transmissão de características por meio do sexo, com foco nas mutações e transmissões. Esse estudo deu origem à obra “The Theory of the Gene”, de 1926.

Os estudos da genética também possibilitaram grandes avanços no conhecimento sobre o DNA dos seres humanos e suas informações. Graças aos avanços, hoje o homem consegue isolar e copiar trechos do DNA, produzir clones e alimentos transgênicos, além de garantir a possibilidade da realização de testes de paternidade.

Leia também! Assuntos relevantes