Desigualdade Social

Desigualdade Social

Por

Desigualdade social, também conhecida pelo nome de desigualdade econômica, é o problema social que está presente em todos os países ao redor do mundo, e acontece em decorrência da má distribuição de renda, além da falta de investimento na área social. Normalmente é mais presente nos países que são denominados subdesenvolvidos ou não desenvolvidos, já que nestes é mais comum que haja falta de educação de qualidade, além de oportunidades no mercado de trabalho e a presença de dificuldade de acesso aos bens culturais e históricos para a maioria da população. A grande maioria, nestes casos, fica a mercê de uma minoria da população que detém os recursos, gerando, portanto, a desigualdade social.

Segundo estudos, a desigualdade social é fruto do capitalismo, sendo, portanto, este o sistema econômico que perpetra a ideia de acumulação de capital, além da ideia de propriedade privada. Concomitantemente, há a incitação do princípio da maior competição, e do nível das pessoas baseando-se no capital e no consumo.


Quais são as causas e consequências da desigualdade social

A desigualdade social é um problema bastante comum no mundo, e tem como causas principais a má distribuição de renda, má administração dos recursos, lógica do mercado capitalista, falta de investimento nas áreas sociais, culturais, de saúde e de educação, além da falta de oportunidades de trabalho, corrupção, entre outros.

Como principais consequências da desigualdade social, temos a miséria, a pobreza e a favelização, assim como a fome, desnutrição, mortalidade infantil, aumento das taxas de desemprego, diferentes classes sociais, marginalização de parte da sociedade, atraso no progresso da economia do país em questão, aumento significativo nos índices de violência e criminalidade, entre outros.


Desigualdade social no Brasil e no Mundo

Ainda que aqui no Brasil as coisas tenham melhorado um pouco nos últimos anos no que se refere à desigualdade social, o nível é bastante significativo. Segundo a ONU, nós estamos posicionados na oitava colocação no que se refere ao maior índice de desigualdade social e econômica do mundo.

Na União Europeia, Portugal é o país que apresenta o maior índice de desigualdade social, e os países do mundo que apresentam os maiores índices são Namíbia, Lesoto e Serra Leoa, enquanto os com os menores índices são Suécia, Japão e Noruega.


Como combater?

É essencial que haja um combate à desigualdade social, o que faz com que deixe de ser um problema e responsabilidade somente de um governo, envolvendo ainda as entidades de cunho universal que, em um primeiro momento, possam ajudar a combater a fome e a miséria. É preciso que haja investimentos nas pessoas para que estas, de uma forma geral, possam competir em igualdade de condições no mercado de trabalho. É, portanto, um trabalho contínuo e incessante, de geração em geração, que trará benefícios para a sociedade.


Tipos de desigualdade social

Existem basicamente quatro tipos de desigualdade social, que são a econômica (relacionada à distribuição de renda), desigualdade racial (relacionada à desigualdade entre raças - branco, negro, amarelo, pardo), desigualdade regional (desigualdade entre regiões, cidades estados) e, por fim, a desigualdade de gênero, que é entre os sexos (homem x mulher).

Leia também! Assuntos relevantes