Geomorfologia

Conceito de Geomorfologia

Você sabe o que significa Geomorfologia? Quando nos deparamos com essa palavra pela primeira vez, ela parece ameaçadora e complexa, mas se a dividirmos para uma análise etimológica, chegamos a um conceito simples: Geo = Terra; morfo = forma; logia = estudo. Ou seja, é o estudo da forma da Terra; a ciência que estuda os relevos: suas origens e evoluções.

A Geomorfologia é de grande utilidade para se planejar os processos de ocupação dos espaços geográficos. Assim, pode-se definir qual a melhor área para se construir uma cidade, e qual apresenta maior risco, além de permitir a criação de processos para enfrentar problemas relacionados ao relevo.

Quando nos deparamos com tristes notícias de casas soterradas durante erosões, o sentimento de pesar se torna ainda maior, porque tragédias como estas, que tiram vidas todos os anos, podiam ser evitadas se fosse levado em consideração os conhecimentos proporcionados pela Geomorfologia.

Formação dos Relevos

Os relevos são formados e modificados ao longo do tempo, diante de uma série de fatores e fenômenos naturais. Basicamente, existem duas forças que atuam sobre a geografia da superfície terrestre. A primeira delas é chamada de forças endógenas, que são aquelas que vêm de dentro para fora. Como, por exemplo, o tectonismo, ou seja, a movimentação das placas tectônicas, que alteram o relevo com o passar do tempo.

O vulcanismo também é uma força endógena. Os vulcões habitam o imaginário popular, e sua força destruidora é sempre retratada em filmes e desenhos e, às vezes, temos exemplos reais de seu poder. O magma expelido por essas formações pode surgir com tanta violência que altera a geografia do próprio vulcão, além de modificar o relevo ao redor com o esfriamento da lava.

Já as forças exógenas são aquelas que atuam diretamente na superfície. Temos, por exemplo, o intemperismo, que é um conjunto de forças externas que agem sobre o relevo modificando-o: o calor extremo, seguido de uma brusca queda da temperatura, não tem muito efeito sobre uma rocha, mas, imagine este processo repetindo-se ao longo de milhares de anos. Formações podem se desfazer dando origem a um novo tipo de relevo. A chuva também pode causar mudanças em uma paisagem se houver o tempo necessário. E os próprios seres vivos são capazes de alterar o relevo, como por exemplo, árvores que lançam suas raízes abrindo caminho entre as pedras.

relevo japao

Tipos de relevo

Quando se trata dos tipos de relevo, temos quatro estruturas básicas: montanhas, planaltos, planícies e depressões.

Montanhas


É um relevo que, normalmente, apresenta-se em grandes altitudes, por isso sofre bastante com processos erosivos e, na maioria das vezes, é formado pelo choque entre placas tectônicas. Quando várias montanhas se formam no mesmo local, temos uma cordilheira. Na América do Sul sempre ouvimos falar sobre a famosa Cordilheira dos Andes.

Planaltos


Este tipo de relevo também é conhecido como platô, ele possui algumas irregularidades, mas, no geral, apresenta um terreno mais plano, isso acontece porque são estruturas geológicas muito antigas, e já sofreram diversos processos de erosão, que aplainaram suas partes mais altas. Encontra-se, geralmente, em grandes altitudes, mas abaixo do nível das montanhas.

Planícies


É um tipo de relevo encontrado a nível do mar, e é formado pelo acúmulo de sedimentos. Apresenta uma aparência mais plana.

Depressões


É um relevo extremamente desgastado, ao ponto de estar abaixo das planícies ao seu redor. Existem dois tipos de depressões: as absolutas, que estão abaixo do nível do mar, e as relativas, acima do nível do mar.

A Terra é um planeta em constante transformação e, mesmo sem a ação do homem, mudanças em sua geografia sempre ocorrerão. Este é um tema que aguça nossa curiosidade, e que pode ser profundamente explorado.

Referências:

PENA, Rodolfo F. Alves. Geomorfologia. Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/geografia/geomorfologia.htm. Acesso em: 18 jan. 2021.

FREITAS, Eduardo. A Geomorfologia. Mundo Educação. Disponível em: https://mundoeducacao.uol.com.br/geografia/a-geomorfologia.htm Acesso em: 18 jan. 2021.



Geomorfologia

Por

Compartilhe