A Lenda do Lobisomem

Cuidado com o lobisomem! Quem nunca ouviu, quando era criança, que o lobisomem poderia te pegar? Esta criatura folclórica é um homem comum, que, em noite de lua cheia, se transforma em um pavoroso lobo. A lenda do lobisomem é muito antiga, e data do século 16.

Na Europa, em meados de 1500, a lenda do lobisomem se espalhou pela população, mas ninguém soube identificar precisamente sua origem, até mesmo porque Damarco e Licaão, da mitologia grega, também faziam menção à lenda do lobisomem.


Como é a lenda do lobisomem?

Na lenda do lobisomem, o homem comum foi atingido por um feitiço maldito quando um lobo o mordeu. Depois que o feitiço fez efeito, em todas as noites de lua cheia, ele se transforma em lobo e sai em busca de sangue, normalmente pela floresta escura.

Fisicamente, a transformação é completa, segundo a lenda. O homem comum, quando exposto à luz da lua cheia, adquire pelos grossos e garras ferozes, olhos esbugalhados e sede de sangue.

A lenda do lobisomem mostra um personagem folclórico muito feroz e muito popular, especialmente nas zonas rurais.


A lenda do lobisomem no Brasil

No Brasil, a lenda do lobisomem também é muito popular e tem o mesmo enredo: homem de dia e lobo de noite, sempre quando há lua cheia.

Na lenda do lobisomem, o homem que recebeu o feitiço está amaldiçoado e se transformará em lobo até o final dos seus dias.

A lenda do lobisomem pode mudar de uma região para outra. Portanto, é comum existirem algumas versões da história, acrescidas de algumas características regionais.

Em alguns lugares, a lenda do lobisomem diz que o homem enfeitiçado só se transforma em lobo se for sexta-feira. O efeito dura somente até sábado, quando o encanto passa e o lobisomem volta a ser um homem comum.

Também existe a lenda do lobisomem que envolve o 8° filho de um casal comum, desde que ele tenha características físicas que remetam a um lobo.

Outra versão da lenda do lobisomem é a seguinte: se um casal teve 7 filhas mulheres e o 8° filho for um menino, ele provavelmente se tornará um lobisomem. Mas a transformação não acontece na infância, ela aparece apenas na adolescência, a partir dos 13 anos de idade. No caso, o menino será um verdadeiro lobo em todas as noites de lua cheia.

Existem outras versões da lenda do lobisomem, como aquela que diz que bebês que não receberam o batismo na igreja também podem se tornar um lobisomem. Claro que, com efeito, muitas famílias não queriam correr este risco e levavam seus filhos rapidamente para serem batizados.


E, como faz para matar o bicho, segundo a lenda do lobisomem?

A bala de prata é o artefato preferido para abater o lobisomem. Porém, tochas de fogo também são muito eficientes. Caso você encontre com algum deles por aí, em noite de lua cheia, já sabe qual é o jeito de se proteger!