O que é Estado-Nação?

O conceito de Estado-Nação é estudado dentro da geografia. Essa é uma área que avalia as características de uma região geográfica que possui legitimidade política, ou seja, que é considerada um governo soberano.

É possível afirmar que todo estado-nação envolve pontos fundamentais da organização política e da organização cultural de um país. O conceito abrange tanto o aspecto geopolítico dos estados, quanto os aspectos étnicos e culturais de uma nação.


Entenda o conceito de Estado-Nação

O Estado-nação é, em suma, uma entidade soberana, jurídica e geográfica, configurada por um território com fronteiras, um povo, forças armadas e moeda própria. Os estados-nações existiram em diferentes momentos históricos e em diversos locais do mundo.

Essa organização política possui vários mecanismos de controle, um governo que fica responsável por um território, um parlamento ou congresso, políticos eleitos pelo voto popular, um exército próprio, entidades legais e diferentes esferas de poder, como o poder executivo, legislativo e judiciário, por exemplo. Além disso, todo Estado-nação é formado por cidadãos, que possuem direitos e deveres instituídos por lei.

De uma forma geral, todas as sociedades do mundo moderno podem ser consideradas Estados-nações, pois estão sob o domínio de um governo legítimo e suas políticas e leis. Todo estado-nação tem uma constituição a ser seguida.


Características do conceito de Estado-Nação

No passado, o conceito de estado-nação esteve associado a sociedades tradicionais, como a soberania monárquica da Idade Média. Hoje, o conceito está atrelado principalmente à cidadania das sociedades modernas. Uma característica forte nos estados-nações é o nacionalismo, que tem relação direta com os símbolos nacionais e a identidade de um país.

O conceito de estado-nação surgiu na Europa, no final do século XVIII. Esta ideia nasceu com influência do Iluminismo e esteve relacionada à instituição de uma sociedade com idioma, cultura, história, leis e comportamentos próprios. O conceito de estado-nação fortaleceu a ideologia do nacionalismo.

Todo estado-nação é uma área geográfica legítima e soberana. Estes territórios autônomos apresentam independência para tomar decisões políticas, territoriais, econômicas, culturais e sociais. São áreas do globo reconhecidas como países com governos legitimados.

Leia também! Assuntos relevantes