Guerra de Tróia

Por

A Guerra de Tróia foi um conflito entre gregos e troianos que aconteceu entre 1300 a.C. e 1200 a.C., na chamada Idade do Bronze. Essa guerra aconteceu por causa do rapto da princesa Helena de Tróia pelo príncipe Páris.

O conflito teve início quando Páris se apaixonou por Helena. O príncipe então decidiu raptar a princesa, o que deixou o rei espartano Menelau, marido de Helena, muito enfurecido.

Páris estava obcecado por Helena, e não se deixou intimidar pela possibilidade de uma guerra.

Um exército foi organizado e o general Agamenon foi designado para comandar o ataque aos troianos. Foram mais de mil navios enviados a Tróia para a guerra.

Menelau se juntou a todos os antigos pretendentes de Helena para que juntos recuperassem a princesa.

Durante os ataques contra os troianos, os gregos enfrentaram dificuldades. A cidade de Tróia era cercada por muralhas intransponíveis. Por isso, Odisseu ordenou a construção de um enorme cavalo madeira e colocou centenas de soldados dentro da obra.

O cavalo cheio de guerreiros gregos foi colocado nas portas da cidade de Tróia. Daí vem a expressão “presente de grego”.

Os troianos receberam o cavalo de madeira e o levaram para dentro da cidade. Durante a noite, quando os troianos estavam sonolentos, os guerreiros gregos saíram da armadilha e partiram para a guerra com o objetivo de conquistar a cidade de Tróia.

Assim, os gregos recuperaram a princesa Helena. Menelau, que havia prometido matar Helena por ter se casado com Páris, acabou perdoando a esposa e reatando o casamento.

Leia também! Assuntos relevantes