Dengue


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Dengue

Por Juliana, GrupoEscolar

Dados divulgados pelo Ministério da Saúde apontam que, em 2015, o Brasil registrou cerca de 1,59 milhão de casos de dengue. Os dados foram computados até o dia 5 de dezembro, o que alerta para o fato de que o número de vítimas do vírus pode ter sido ainda maior.

As regiões Sudeste e Centro-Oeste são as que apresentam maior taxa de casos de dengue, com destaque para São Paulo e Goiás, que tiveram, respectivamente, incidências aproximadas de 2.438 e de 1.640 casos para cada 100 mil habitantes. As cidades mais afetadas foram: Onda Verde, Rio Claro, Sorocaba e Campinas.

Os números apontam para o maior número de casos de dengue e de mortes da história. Cerca de 839 pessoas morreram por causa da dengue em 2015, e a situação em 2016 deve ficar ainda mais complicada por causa das outras doenças que também são transmitidas pelo mosquito: a Zika e a Chikungunya.


Entenda a doença

A dengue, assim como a Chikungunya e a Zika, é transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. A dengue pode ser classificada como uma doença febril aguda, que é causada por vírus. A doença é muito comum no mundo, principalmente em países em desenvolvimento e com clima tropical, como é o caso do Brasil.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), de 50 a 100 milhões de pessoas pegam dengue todos os anos em mais de 100 países, em todos os continentes. A doença tem quatro tipos: o DEN-1, DEN-2, DEN-3 e o DEN-4.

O grande perigo da dengue é a possibilidade de evolução para a dengue hemorrágica ou para a síndrome do choque da dengue, que são acompanhadas por sangramento e queda da pressão arterial. Nestes casos, o risco de morte é considerável.


Como surgiu a dengue?

O primeiro caso de dengue no Brasil foi registrado em 1865, em Recife. Depois disso, a doença passou a ser classificada como epidêmica.

O mosquito Aedes aegypti teria chegado ao nosso país por meio dos navios negreiros. A dengue chegou a ser erradicada no Brasil no início do século XX, pelo médico Oswaldo Cruz, mas voltou a aparecer em 1980.

O Aedes aegypti vive em áreas tropicais e subtropicais, e coloca seus ovos em fontes de água limpa e parada.


Prevenção da dengue

A única forma de prevenção é acabar com a proliferação do mosquito e, para isso, é fundamental a participação da população no combate aos focos do Aedes. Além disso, é importante o uso de repelentes em áreas que já apresentam casos da doença.

Os sintomas da dengue são: febre alta, dor de cabeça, fadiga, dor muscular, dor nas articulações e vômitos. Já na dengue hemorrágica o paciente apresenta, além dos sintomas clássicos, problemas na coagulação do sangue. A doença precisa de tratamento rápido e adequado.

A dengue só é transmitida pelo mosquito. Depois de picado, o paciente demora até 15 dias para manifestar a doença.

Cuide da sua casa e evite lugares e recipientes que possam acumular água. A dengue pode matar e precisa ser combatida no Brasil.






Leia também! Assuntos relevantes.

Qual é a diferença entre a febre chikungunya e a dengue?
Duas doenças preocupam o Brasil: a dengue e a febre chikungunya. Apesar de serem transmitidas pelo mesmo mosquito, as duas doenças apresentam alguma...

Vírus Chikungunya
Um novo tipo de vírus tem chamado a atenção do mundo. O vírus Chikungunya, causador da febre Chikungunya, surgiu na África e migrou para a Ásia e para...

Vírus Zika
O Ministério da Saúde divulgou, no dia 12 de janeiro de 2016, que o Brasil já registra 3.530 casos suspeitos de microcefalia causados por Vírus Zika. ...

Habitat dos vírus
Os vírus são seres muito pequenos, que só podem ser visualizados ao microscópio. Esses seres são formados por ácido nucleico (DNA ou RNA), que é envol...

Tratamento da Dengue
O doente deve se manter em repouso, beber muito liquido e só usar medicamentos para aliviar as dores e febres, com exceção de aspirinas e AAS. Mas ...

Dor de garganta e febre...
Dor de garganta? Febre? Você pode estar curtindo uma amigdalite. Em curtas palavras, amigdalite é a infecção das amígdalas palatinas. O inve...

Febre Tifóide
A febre tifóide é uma doença causada pela bactéria Salmonella Typhi. Febre tifóide é mais comum nos países em desenvolvimento, onde afeta em torno de...

Retrovírus XMRV e a fadiga crônica
Essa síndrome está relacionada ao cansaço extremo mesmo quando o paciente não pratica exercícios físicos. O progresso patológico dessa doença ocorre a...

Tipos da Dengue
A dengue é uma doença viral, que ataca em lugares com características tropicais. O vírus causador da doença existe em quatro sorotipos. Em alguns p...

Reprodução dos Vírus
Os vírus são classificados como seres acelulares. Isso significa que eles não possuem células próprias, ou que são desprovidos de estrutura celular. D...

Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, estudos, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Somos um veículo de comunicação. Não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia ou reprodução de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2016 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados