Civilização Etrusca

Civilização Etrusca

INTRODUÇÃO
Civilização Etrusca, cultura criada e desenvolvida na península italiana pelo povo da Etrúria, durante o primeiro milênio a.C. Na época de seu maior poder, entre os séculos VII e V a.C., a Etrúria provavelmente englobava toda a Itália.


HISTÓRIA
No século IX a.C., os etruscos estabeleceram-se na Toscana procedentes da Ásia Menor. Aproximadamente no século VI a.C., várias cidades-estados dominavam suas respectivas regiões geográficas. Constantemente suas cidades independentes se aliavam. Em resposta, é provável que os romanos, gregos e cartagineses também se unissem contra os etruscos. Aproximadamente no século V a.C., o poder etrusco foi desafiado e severamente reduzido. A esquadra de Siracusa derrotou uma frota aliada etrusca em Cumas. No século III a.C., os romanos, após submeter a maior parte do centro e sul da península da Itália, dirigiram sua atenção para o norte. Os laços entre Roma e Etrúria se fortaleceram no século I a.C., quando os etruscos aceitaram a oferta de cidadania romana.


ESTRUTURA POLÍTICA E MILITAR
Os etruscos nunca lograram uma verdadeira unidade nacional, embora cidades individuais enviassem colonos a regiões vizinhas e, com freqüência, estabelecessem alianças diplomáticas. A forma característica de organização governamental era a confederação de cidades. Os etruscos, no período de maior poder, possuíam uma força militar impressionante, embora provavelmente não fosse coordenada entre as cidades-estados. A frota era muito poderosa e praticamente dominou o Mediterrâneo durante quase dois séculos.


ECONOMIA
Os etruscos foram influenciados pelos comerciantes do leste do Mediterrâneo. Os fenícios foram os primeiros a chegar, possivelmente no século VIII a.C. Os gregos desafiaram a supremacia fenícia. No século VI a.C., a rede mercantil etrusca incluía intercâmbios de bens com a Gália e com os povos tartesos e de Ampúrias.


RELIGIÃO
Muitos elementos da religião etrusca foram adotados pelos romanos, inclusive os conceitos do regresso cíclico da idade de ouro e o rito de sacrifícios humanos.


LÍNGUA
Os eruditos consideram que não pertence à família de línguas indo-européias. O alfabeto etrusco é similar ao grego, porém o vocabulário e a gramática são diferentes. O alfabeto romano, com modificações, deriva do etrusco.


ARTE E ARQUITETURA
A arte etrusca revela sua relação com a grega e com a do Egito e Ásia Menor. Também mostra elementos itálicos. O templo etrusco situava-se segundo um eixo simétrico de orientação norte-sul sobre um pódio alto. A maioria das cidades etruscas era construída em forma quadrangular com fortificações. Fora das cidades existiam cemitérios que continham as tumbas familiares, construídas sob a terra e com vários aposentos. As esculturas etruscas mais famosas são de terracota, incluindo esculturas em tampas de sarcófagos, como por exemplo um casal jacente de Caere. Os artistas de Vulci sobressaíram-se esculpindo imagens em calcário, como as Esfinges e o Leão alado. Os etruscos eram excepcionais trabalhadores do bronze: a Loba, a Quimera e as estátuas de tamanho natural de Arringatore constituem bons exemplos. As pinturas etruscas que chegaram até nós consistem em afrescos sobre paredes de pedra e tetos de tumbas cobertos de pinturas, em particular nas de Tarquinii e nos arredores de Clusium. No primeiro período, o desenho é forte, as cores, brilhantes e uniformes. As pinturas do século IV a.C. em diante, influenciadas pela arte helenística, foram mais realistas no estilo. Desenvolveram uma louça polida e característica, o púcaro negro. Trabalharam o bronze e esculpiram jóias de ouro, prata e marfim. A influência da arte etrusca sobre os romanos foi evidente desde o século VI a.C. até a proeminência dos estilos gregos no século III a.C. Ver tambémArte e arquitetura da Grécia; Arte e arquitetura de Roma.


Fonte:
http://www.slimsite.hpg.ig.com.br/etrusca.html

Leia também! Assuntos relevantes