Osteoclastos

A matriz óssea é formada por células específicas, entre elas os osteoclastos, células essenciais na composição do osso. Os osteoclastos têm tamanho elevado, quando comparado com outros organismos celulares do tecido ósseo.

A função dos osteoclastos é auxiliar no processo de remodelagem do osso, assim como na reabsorção do tecido ósseo. É uma célula multinucleada, com características bem importantes, entre as quais estão as seguintes:

Os osteoclastos são originários da medula óssea, ao contrário do que era apresentado antigamente, como se essas células fossem advindas de células osteoprogenitoras. É necessário que haja derivação dos monócitos coalescentes para o surgimento dos osteoclastos.

A reabsorção óssea continuada ocorre através dessas células maiores, quando os osteoclastos vão crescendo e se remodelando. A osteoclasia é o nome correto da reabsorção óssea, que ocorre somente quando várias substâncias são secretadas, entre elas as seguintes:

  • Ácido cítrico;
  • Ácido láctico.

Os ácidos são responsáveis pela redução do pH, assim como por dissolver enzimas hidrolíticas e minerais.


Onde estão localizados os osteoclastos?

A baía de reabsorção ou a lacuna Howship é a depressão onde os osteoclastos estão localizados. Este espaço é escavado por causa do trabalho das enzinas, criando o ambiente adequado para a acomodação dessas células gigantes.

As juntas e dobras da célula fazem contato direto com a matriz óssea no momento da reabsorção ativa. Este processo faz com que a zona vesicular seja coberta por uma borda em formato de ondas, caracterizadas por vesículas repletas de enzimas lisossômicas.

Uma zona mais clara pode ser observada na parte periférica da borda em formato de ondas. Nessa área, são encontrados diversos filamentos de actina, considerados elementos citoesqueléticos importantes. As organelas estão ausentes nessa área.

A fixação dos osteoclastos na matriz óssea depende do suporte dessa região do citoplasma, principalmente para que a fixação aconteça na área da lacuna Howship. Os núcleos e as organelas ficam na zona basal dos osteoclastos, área onde estes componentes ficam albergados.


Como acontece a osteoclasia?

O sistema endócrino é o principal regulador da osteoclasia, que funciona da seguinte maneira:

  • A calcitonina é secretada pela tireoide;
  • O paratormônio é secretado pela paratireoide.

É possível perceber que os osteoclastos são muito importantes para a formação da matriz óssea, assim como as outras células que fazem parte deste tecido, como os osteoblastos e osteócitos.

Osteoclastos



Por

Compartilhe