Nutrição

O que é?


Nutrição, de forma geral, é o nome dado a um processo biológico onde os alimentos são utilizados para proporcionar aos seres vivos a capacidade de realizar tarefas.

Na área das ciências da saúde, seja humana ou animal, a nutrição tem por função estudar a relação entre a ingesta de alimentos e os processos de saúde e doença.

Mas a nutrição ainda uma importante área de estudos. Além da formação do profissional que é o nutricionista, outros diversos estudam em sua formação tópicos da nutrição, entre elas, a enfermagem, a biomedicina, a biologia e a medicina.

Na formação do nutricionista, um importante foco de estudo é a relação entre as propriedades dos alimentos ingeridos e de que forma eles podem atuar na promoção ou manutenção da saúde ou doença.


Para que serve a nutrição?

O profissional nutricionista é um grande promotor da qualidade de vida, alimentação e hábitos de vida saudáveis e toda sua relação com a comida e orientação sobre a nutrição impactam diretamente na vida das pessoas, sejam saudáveis, com ajustes, sejam grupos especiais.

No grupo especial podem ser inclusos cardiopatas, pessoas obesas, gestantes, com as taxas de colesterol ou triglicérides descompensadas, hipertensos, diabéticos, idosos... A lista de pessoas que podem ser beneficiadas com uma alimentação mais saudável é grande.

Mesa, Alimentos Diversos

Como ser nutricionista?

Aqui no Brasil, para ser nutricionista, é necessário fazer graduação em nutrição, obrigatoriamente em uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação – MEC. Depois de formado, é preciso se registrar no Conselho Regional de Nutricionistas no estado onde pretende atuar. Somente depois, o profissional está apto a trabalhar em sua área.


O que a profissão de nutrição estuda?

O nutricionista atua na manutenção ou recuperação da saúde através de uma boa alimentação. Para isto, ele precisa estar apto a fazer em sua clínica, hospitais, escolas ou empresas a planejar, administrar e coordenar importantes programações de alimentação.

Cabe a ele a definição dos cardápios, a prescrição de dietas alimentares ou ajustes nos hábitos de consumo. Desta forma, ele também é formado para entender da supervisão da preparação dos alimentos, conhecer fornecedores e os processos de higiene e conservação.

O nutricionista é profissional da área da saúde e estuda muitas disciplinas comuns a área médica em sua grade curricular, como a bioquímica, a patologia, a farmacologia e a fisiologia. Parte bem importante do curso, são as aulas acerca da qualidade nutricional da alimentação e sua relação com a saúde. Outras disciplinas como a dietoterapia complementam os subsídios para a orientação alimentar na vida profissional.

Durante a faculdade, é importante dedicar-se bastante às aulas práticas e teóricas do curso. Parte das aulas práticas incluem culinária, mas não se pode confundir com as aulas dos alunos de gastronomia! No curso de nutrição, a ideia das aulas nas cozinhas é entender como as receitas funcionais são preparadas.

No Brasil, instituições de ensino superior públicas e privadas oferecem a graduação de nutrição. Geralmente, a grade curricular se divide em quatro áreas, como Ciências alimentares, Ciências alimentares e nutricionais, Ciências da biologia e da saúde e Ciências sociais, humanas e da economia.

As disciplinas, geralmente incluem aulas de anatomia sistêmica, bioquímica, citologia, psicologia da nutrição, fisiologia, epidemiologia, saúde coletiva, desportos, metabologia e antropologia e muitas outras relacionadas à profissão, a depender da instituição em que o aluno está matriculado.

O estágio supervisionado é parte obrigatória da formação e muito importante para dar ao futuro profissional parte da vivência que ele terá como nutricionista.


Qual o tempo da faculdade de nutrição?

De forma geral, o curso tem a duração de quatro anos. O tempo pode variar de acordo com a instituição, mas não costuma ser inferior a quatro anos.


Quanto custa em média a faculdade de nutrição?

Nas instituições particulares de ensino superior, o preço médio das mensalidades é de R$ 800,00. No entanto, é possível encontrar tanto preços mais baixos a depender do turno escolhido ou da região do país, assim como preços mais elevados, podendo ultrapassar R$ 2.000 mensais.


Como é o mercado de trabalho para os nutricionistas?

Esta área vem ganhando cada vez mais espaço no mercado de trabalho. As pessoas têm buscado cada vez mais por um novo estilo de vida mais saudável e incluindo novos hábitos em sua rotina alimentar (alimentação saudável).

Um dado estatístico que faz a profissão de nutrição ganhar cada vez mais espaço é o número de obesos no país. Segundo dados da Vigitel - Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico – mais da metade dos brasileiros estão acima do peso. O nutricionista atua diretamente na manutenção da saúde pela alimentação, inclusive na perda de peso.

Em seus consultórios ou clínicas, eles realizam atendimentos individuais e orientam pacientes quanto a alimentação de acordo com suas necessidades individuais de saúde ou, se for o caso de estética como em dietas alimentares. Os grupos de risco, como os de doenças crônicas não transmissíveis também são clientes importantes dos nutricionistas.

Mas a área de atuação destes profissionais vai muito além do atendimento em consultórios e clínicas.

O setor de restaurantes também costuma contratar nutricionistas na elaboração de seu cardápio. Grandes empresas com refeitórios também precisam deste profissional para o controle da alimentação servida aos funcionários e colaboradores.

As indústrias de todos os tamanhos que produzem alimentos têm os nutricionistas como aliados na elaboração de produtos de qualidade. Outro setor que tem se mostrado promissor é em parcerias com agricultores orgânicos, onde se realizam oficinas de alimentação orgânica e boas práticas alimentares, que podem ser repassadas para outros públicos.


Veja outros locais de atuação do nutricionista:

Escolas, clubes, prisões, hospitais, asilos, indústrias do ramo alimentícios, além de professores de instituições superiores de ensino.

Áreas de atuação do nutricionista

O nutricionista pode atuar, dentre outras coisas, como:

  • - administrador, gerenciador e supervisor da produção e preparo de alimentos;
  • - elaborador de cardápios em escolas, SPAs, asilos e outros locais de alimentação coletiva;
  • - desenvolvedor de produtos para a indústria de alimentos;
  • - coordenador de pesquisa de produtos, testagem de receitas e experimentos alimentícios.





Nutrição

Por

Compartilhe