Resumo

As Florestas são imensas áreas verdes, repletas de árvores, animais e grande biodiversidade. Essas áreas apresentam uma grande densidade de árvores e ocupam cerca de 30% da superfície terrestre.

As florestas são muito importantes para vida na Terra. Elas contribuem para amenizar as alterações climáticas e renovam o ar que respiramos por meio da fotossíntese.

Uma floresta natural é o habitat de diversas espécies de animais e plantas. A floresta é uma fonte de recursos naturais, como plantas medicinais, madeira, resina, celulose, cortiça, frutos, entre outras coisas.

O solo das florestas é rico em substâncias orgânicas. Existem vários tipos de florestas, como as florestas tropicais, florestas esparsas e florestas aciculifoliadas.

Uma das florestas mais importantes do mundo está localizada no Brasil, é a floresta Amazônica, que está classificada como uma floresta tropical.

Cachoeira na floresta

Vale lembrar que as florestas tropicais úmidas são as que possuem a maior biodiversidade do planeta. Na floresta tropical, existe grande diversidade de espécies, por isso ela atrai a atenção e a cobiça do homem.


Introdução

Floresta é uma região que contém uma grande quantidade de árvores, com umas próximas às outras, onde é possível conviver uma grande variedade de plantas e animais.

Silhueta de animais na Mata

Extremamente importantes para a conservação da natureza, as florestas ajudam na renovação do oxigênio, diminuem a velocidade do vento e das chuvas, impedindo que as fortes enxurradas causem a erosão do solo.

E mais: elas fornecem diversos produtos para os homens, como madeira, frutas, vegetais, óleo, borracha e medicamentos. As florestas são distribuídas em diversos lugares, com diferentes condições climáticas, e podem ser encontradas em regiões quentes e úmidas como naquelas que são frias e secas.

Rio na floresta


Como podem ser classificadas as florestas?

As flores podem ser classificadas dos seguintes modos:

  • Naturais – que são aquelas que se encontram na sua formação original, sem que o homem tenha a descoberta;
  • Plantadas – que são aquelas que propositalmente foram produzidas pelo homem, a fim de que possam atingir um objetivo específico, seja para produção ou para conservação;
  • Homogêneas – são as flores plantadas que contêm apenas uma espécie de árvore ou poucas espécies dela;
  • Primárias – florestas primárias são aquelas que nunca sofreram uma derrubada ou um corte, sendo originais de uma determinada região;
  • Secundárias – são aquelas florestas que se encontram em processo de regeneração natural, após terem tido algumas árvores derrubadas ou tenham sofrido alguma alteração por alguma ação do homem ou de fatores naturais;
  • Ripárias – também chamadas de matas ciliares, são aquelas que se encontram nas orlas de um curso d’água.

Floresta densa por dentro


Quais são os tipos de florestas existentes?

Os principais tipos de florestas existentes no planeta são:

Floresta Pluvial Tropical – que são encontradas em regiões de clima quente e úmido. Possuindo um bioma mais complexo e rico em biodiversidade, cobrem apenas 6% de toda a superfície da Terra, mas concentra 60% de todas as espécies de animais e vegetais do mundo. Se estendem por áreas nas América Central e do Sul, na África, na Ásia e na Oceania, em torno da Linha do Equador. A maior e mais importante Floresta Pluvial Tropical é a Floresta Amazônica.

Floresta Temperada – são encontradas nas regiões mais frias, como a América do Norte, no norte da Europa, no Japão, no sul da América do Sul, no sul da África e no sul da Austrália. Suas vegetações são caducifólias, isso significa que elas sofrem influência das estações do ano e, quando chega o fim do outono, perdem suas folhas, que voltam a nascer na chegada da primavera.

Taiga (Floresta de Coníferas ou Floresta Boreal) – é a floresta encontrada nas regiões frias do planeta, como o norte da América do Norte, o norte da Europa, e o extremo sul do planeta Terra. Ela fica entre a Tundra e a Floresta Temperada no norte.

Leia mais sobre a Taiga

Sua vegetação típica são as coníferas e os pinheiros. Ela se adapta a climas muito frios, com invernos que chegam a 54 graus negativos. Para que possam suportar as baixas temperaturas, as folhas das árvores são pequenas e possuem uma resina que faz a neve deslizar. Seu solo é pobre e a fauna possui diversos animais que têm alta resistência às temperaturas baixas.


Assuntos Parecidos

Leia também! Assuntos relevantes