Questão Ambiental da China

Questão Ambiental da China

Por

A China vive há décadas um desenvolvimento industrial e econômico intenso. Como resultado disso, o país também enfrenta sérias questões ambientais, já que o crescimento chinês foi conquistado às custas da degradação do meio ambiente.

A exploração excessiva dos recursos naturais e a expansão de indústrias poluentes colocaram a China em uma situação preocupante. O país tem um enorme consumo de energia, emite muitos poluentes e tem pessoas com problemas de saúde causados por tamanha poluição.

O país também tem o problema da poluição do ar e da água, e enfrenta a diminuição de seus recursos hídricos. A China é um dos países com maior incidência de chuva ácida e efeitos das mudanças climáticas.

O governo chinês tenta enfrentar o problema, mas continua priorizando o crescimento econômico do país. Atualmente, as leis chinesas para proteger o meio ambiente são consideradas as mais desenvolvidas entre as nações emergentes, mas ainda não saem do papel, colocando a questão ambiental para segundo plano.

A intensa urbanização da China e o tamanho de sua população fizeram com que o país sofresse com a péssima qualidade do ar e com a escassez de recursos naturais. Hoje, três quartos das cidades da China têm problemas de escassez de água e 40% dos rios do país estão poluídos.

A China tem mais de 1.3 bilhão de pessoas e vive uma iminente crise na produção de alimentos. A intensa urbanização do país deixou poucas áreas para a agricultura, o que pode prejudicar o país nas próximas décadas. Diante desse cenário, o governo da China precisa tomar sérias medidas para preservar o meio ambiente.

Leia também! Assuntos relevantes