Problemas ambientais da China

Problemas ambientais da China

Por

A China é o polo industrial do mundo. Empresas dos mais diversos segmentos passaram a produzir seus produtos na China, devido ao baixo custo de mão de obra e incentivos fiscais.

Mas o grande número de fábricas na região, apesar de trazer benefícios para o crescimento econômico chinês e a possibilidade de garantir produtos com preços mais competitivos, também tem causado graves alterações no ambiente natural e trazido muitos malefícios ligados à poluição. E todos estes problemas ambientais têm alcançado limites inadmissíveis causando danos irreversíveis não somente à China, mas no planeta como um todo.

A exploração descontrolada de recursos naturais, a liberação exaustiva de gases poluentes no ar e a diminuição de recursos hídricos são uma realidade presente. Além disso, a China ainda sofre com a maior incidência de chuva ácida do planeta.

O desmatamento também é uma situação presente em toda a Ásia. Comerciantes de todo o mundo buscam por produtos produzidos pela mata local e nada é feito para se alcançar uma economia mais sustentável com relação aos recursos naturais. O país ainda vive uma grande explosão populacional o que pode causar inclusive uma crise alimentar em um futuro não muito distante.

Além disso, a caça ilegal também vem agravando a situação. Alguns países asiáticos são ricos em fauna e flora, mas muitos dos animais já se encontram em situação de extinção. A pesca predatória também tem aumentado, causando um desequilíbrio ambiental sem precedentes.

As leis chinesas até tentam criar mecanismos para minimizar o problema, mas ao mesmo tempo, continua mantendo os esforços no desenvolvimento e crescimento econômico do país, o que acaba neutralizando qualquer tentativa. Por outro lado, nações do mundo todo tentam se unir para que seja possível encontrar uma saída, mas ainda sem resposta. Enquanto isso, a população chinesa sofre os efeitos destes problemas convivendo com problemas respiratórios e doenças.

Toda esta produção industrial gera lixo. A China não possui leis muito rígidas a respeito do descarte de sucata e a maioria do lixo é descartado de forma nada segura. Assim, o solo, as águas e o ar também recebem altas doses de chorume que podem contaminar alimentos.

Leia também! Assuntos relevantes