Ozônio

Fontes
O ozônio estratosférico é o componente chave na absorsão da radiação ultra-violeta, protegendo a vida contra os efeitos nocivos desta radiação. O ozônio é criado e destruído a partir de uma série de reações complexas que envolvem a luz. Ele é também um gás de efeito estufa, por absorver a radiação infra-vermelha que é liberada pela Terra.

O ozônio troposférico pode ser obtido atravês do deslocamento do ozônio estratosférico em quantidades limitadas, mas ele é principalmente produzido por reações fotoquímicas complexas associadas a emissão de gases pelo homem, frequentemente em cima de grandes cidades. Esses gases podem ser o monóxido de carbono, metano e o óxido nitroso.

Concentração Atmosférica
A concentração aproximada do ozônio estratosférico é de 0.3ppmv. Existem algumas evidências que dizem que a porcentagem de ozônio caiu um pouco na baixa estratosfera (abaixo dos 25Km) durante a última década devido a sua destruição pelos halocarbonos.

Contribuição
Concentrações do ozônio troposférico vem aumentando no hemisfério norte desde a revolução industrial resultando assim uma forçante radioativa de 0.2 para 0.6W/m² . Concentrações do ozônio estratosférico estão caindo devido a sua destruição pelos halocarbonos, isto resultou em uma forçante negativa de valor -0.1W/m² .

Redução do ozônio troposférico
A implementação de uma tecnologia "limpa" nos veículos automotores pode ajudar a controlar o aumento das concentrações do ozônio troposférico.

Proteção do ozônio extratosférico
O "Montreal Protocol" (1987) foi designado para ajudar a proteger o ozônio estratosférico, esta instituição deveria controlar as emissões dos CFCs.

Fonte:
http://www.geocities.com/Augusta/7135/estufagasesde.htm

Leia também! Assuntos relevantes