Guerra do Paraguai


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Guerra do Paraguai

Por Juliana Miranda, Grupo Escolar

A Guerra do Paraguai foi travada contra Brasil, Argentina e Uruguai. Este foi o maior conflito armado internacional ocorrido na América do Sul.

A guerra aconteceu de dezembro de 1864 a março de 1870, e iniciou-se com a invasão da província brasileira de Mato Grosso pelo exército do Paraguai, sob ordens do presidente Francisco Solano López.

O ataque paraguaio ocorreu após uma intervenção armada do Brasil no Uruguai, em 1863, que pôs fim à guerra civil uruguaia.

Solano López temia que o Império brasileiro e a República Argentina viessem a desmantelar os países menores do Cone Sul. Em 11 de novembro de 1864, o presidente do Paraguai prendeu o vapor brasileiro Marquês de Olinda, que transportava o presidente da província de Mato Grosso.

Seis semanas depois, o Paraguai invadiu o Mato Grosso.

Brasil, Argentina e Uruguai, que eram aliados, empreenderam uma luta armada contra o Paraguai e venceram a guerra após mais de cinco anos. Nesse período, o Brasil enviou cerca de 150 mil homens à guerra.

A estimativa é que, pelo menos, 50 mil brasileiros tenham morrido no conflito. Já as perdas humanas sofridas pelo Paraguai são calculadas em até 300 mil pessoas, entre civis e militares.

Autores afirmam que a derrota do Paraguai na guerra marcou a história do país de forma decisiva, tornando-o a nação mais atrasada da América do Sul.

Outro resultado da guerra para o Paraguai foi a perda de 40% de seu território para o Brasil e para a Argentina.

Juliana Miranda, Equipe do Grupoescolar.com.





Saiba mais

Buscas relacionadas a Guerra do Paraguai em História.


[ Pesquisa escolar lida 7123 Vezes - Categoria: História ]


Leia também! Assuntos relevantes.

A Irradiação da Guerra Fria
Logo a seguir ao termo da Segunda Guerra Mundial iniciou-se a “guerra fria” e a formação de dois blocos político-militares antagónicos: a OTAN e o Pac...
Lido: 41442 Vezes

A Corte Portuguesa no Brasil
Para contar a história da Corte Portuguesa no Brasil, precisamos voltar até as brigas entre França e Inglaterra. Afinal, o que é que Portugal e mai...
Lido: 67328 Vezes

Defesa Antiaérea do Brasil
Os grandes eventos internacionais que o Brasil vai sediar nos próximos anos tem feito o governo do país se preocupar com a defesa nacional. O objetivo...
Lido: 1381 Vezes

Os Brancos de Alma Indígena - Brasil
Ao substituir o ódio pela ternura, a suspeita pela confiança e as carabinas por miçangas, Rondon se tornou o maior dos humanistas brasileiros e o mais...
Lido: 6629 Vezes

Guerra das Malvinas
A Guerra das Malvinas foi um rápido conflito que aconteceu entre Grã-Bretanha e Argentina no começo dos anos 80. Os países brigavam pelo controle de u...
Lido: 4723 Vezes

A População Nativa Brasileira
A População Nativa Existem pelo menos 50 grupos que jamais mantiveram contato com o homem branco, 41 dos quais sequer se sabe onde vivem Jamais s...
Lido: 17216 Vezes

Nativos Brasileiros
Primeiramente a denominação "índio" não é coerente, sendo que os portugueses deram esse nome aos nativos que viviam aqui, pois eles pensaram que tinha...
Lido: 19048 Vezes

IDH no Brasil e no Mundo
O IDH é o Índice de Desenvolvimento Humano. Essa é uma medida que compara o crescimento humano de um país e os separa entre países desenvolvidos, em d...
Lido: 6843 Vezes

Quais as maiores guerras que já existiram?
Ao longo da história da humanidade, muitos conflitos bélicos aconteceram por diferenças ideológicas e interesses econômicos. Ao longo da história d...
Lido: 3634 Vezes

Ciclo do Café - História do Brasil
As primeiras mudas e sementes de café chegam ao Brasil no século XVIII, por volta de 1730, vindas da América Central e das Guianas. Mas é só a partir ...
Lido: 20172 Vezes

Sugestão de Busca Escolar

Sites

Encceja
Enem
SISU
Prouni
Paixão e Amor
Curiosidades
Relacionamento

Fale Conosco
Feed / RSS

Comunidade no Google +
Comunidade no Twitter


Novidades no seu e-mail

Estudantes Online
Sobre o Grupo Escolar

GrupoEscolar.com - Todos direitos reservados

Todo o conteúdo do site é retirado da internet e/ou enviado pelos estudantes.

Caso algum conteúdo infrinja direitos autorais entre em contato que adicionaremos crédito ou retiraremos o mesmo.

As opiniões expressas nos textos são de responsabilidade dos seus autores.

Somos apenas um veículo de comunicação e não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.