Evolução da Navegação por Satélite

Evolução da Navegação por Satélite

Os sistemas de rádio - navegação começaram com sistemas baseados em Terra.

Os sistemas baseados em Terra começaram com os sistemas RDF (Radio Direction Finding) e sistemas de Hiperbólicas.

Sistemas RDF são simples e fácil de entender.

Simplesmente o operador sintoniza para uma estação de rádio conhecida usando uma antena direcional para sintonizar a estação de rádio.

O procedimento é repetido com outra estação de rádio. O operador então calcula a sua posição. Sistemas Hyperbólicas são mais complexos.

O sistema usa coordenadas de transmissão de duas ou mais estações de radio.

Ele funciona baseando-se no fenômeno que todos os pontos onde a diferença entre sinais de rádio vindas de estações diferentes é uma constante forma de hiperbole.

Ele possibilita montar um mapa exibindo várias hiperboles (as hiperboles são linhas que indicam uma diferença constante entre diferentes estações de rádio). O usuário usa o equipamento de radio para escutar o sinal de radio, então iguala a diferença encontrada por uma hiperbole apropriada no mapa. Isto determinava ao usuário algum lugar ao longo de um arco na Terra.

Este processo é repetido usando um segundo par de estações para determinar outra hiperbole. O usuário determina a posição achando o ponto no mapa onde as duas hiperboles se intersectavam.

Os sistemas NAVSTAR e GLONASS usam o princípio ri - lateral (tri - dimensional: x, y e z). O usuário recebe determinado a distância dele em relação a cada um, duma série de satélites.

Conhecendo-se as posições dos satélites, e a sua posição em relação a eles, o usuário pode calcular a sua posição.

Leia também! Assuntos relevantes