Conquista e Colonização da América Latina

Conquista e Colonização da América Latina

Por

A América Latina passou por um processo de colonização europeia, principalmente por parte dos países ibéricos. A região foi ocupada, do México à Argentina, durante os séculos XVI e XVII.

Com um processo de colonização europeia, a América Latina sofreu uma forte influência cultural dos países da Europa.

Podemos dividir a colonização da América Latina em dois reinos ibéricos: Espanha e Portugal. Nesse contexto, as áreas de colonização litorânea ocidental-pacífica pertenciam à Espanha; e a região oriental-atlântica ficou com Portugal.

Os espanhóis colonizaram a região do Prata, no Caribe e nos Andes. Já os portugueses ficaram com o Brasil.

A colonização da América Latina foi, essencialmente, de exploração. Os colonizadores tinham o objetivo de retirar e explorar as riquezas das terras descobertas.

Entre as influências da colonização na América Latina, podemos citar a religião. As missões de padres católicos converteram os nativos e pregaram os valores e princípios cristãos.

Todos os países latino-americanos passaram por um processo semelhante de conquista e colonização. Outro fator em comum foi a independência dos países. Vários países da América Latina se tornaram independentes no século XIX.

A colonização europeia na América Latina explorou vários recursos dos países colonizados, como metais preciosos e madeira. No caso da colonização brasileira, os produtos explorados eram enviados pelos portugueses para a Europa e o Oriente.

O regime de governo também foi semelhante na maioria dos países colonizados. A monarquia imperialista e escravista predominava na América Latina.

Leia também! Assuntos relevantes