Concordância Verbal


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Concordância Verbal

Princípios gerais
a. O verbo concorda com o sujeito em número e pessoa:

b. “E os olhos não choram E as mãos apenas tecessem o rude trabalho E o coração está seco.”

c. Sujeito composto - O verbo vai para o plural:

d. “O rebanho e os pastores voltam do pasto num tranqüilo bando”. (Luis Guimarães Júnior)

e. Sujeito composto posposto ao verbo - concordância com o mais presumo ou o verbo no plural: Como vai sua mãe e seu pai? · Sujeito composto posposto · concordância com o mais próximo àneste caso,verbo no singular “Que vale a conversa apenas murmurada,“Aerma ternura, os delicados adeuses.”(Cecília Meireles) “Instaram damas e cavalheiros pela amostra da obra-prima”.(Camilo Castelo Branco). verbo no plural concordância com o conjunto.4.Vários sujeitos, com idéia de gradação, ou palavras sinônimas verbo na 3ªpessoa do singular:5.A alegria, o prazer, o êxtase será uma bem-aventurança. 6.“Que mal te fiz eu para que esse desejo, essa idéia seja a que unicamente resta?” (Alexandre Herculano). Neste caso, também o escritor pode optar pela forma de plural: “Nem Deus, nem Cristo, Nem minha mãe volvendo agora ao mundo Eram capazes de acabar com isso.” (Artur Azevedo). 5.Sujeito composto por diferentes pessoas gramaticais - o verbo fica no pluralda pessoa que tiver primazia gramatical, ou seja: 1ª pessoa prevalece sobre a 2ª e 3ª (eu + tu + ele = nós); 2ª pessoa prevalece sobre a 3ª (tu + ele + vós). “Foi o que fizemos Capitu e eu.” (Machado de Assis) Tu e os outros que estais aí, vinde! Eu e ele resolvemos as dificuldades. ·


PARTICULARIDADES DE CONCORDÂNCIA
1. Sujeitos resumidos por indefinido – verbo no singular. Os pensamentos, os atos, os gestos, tudo era sacrílego. Nem pais, nem filhos, nem primos, ninguém compareceu à cerimônia.

2. Um e outro seguido ou não por substantivo singular – verbo no singular ou plural: Um e outro rapaz fez a barba hoje. (ou: fizeram). Uma e outra me desagradou.(ou: me desagradaram)

3. Nem um nem outro seguido ou não de substantivo – verbo no singular ou no plural: Penso que nem um nem outro compareceu ao ensaio; (ou: compareceram) Nem uma nem outra secretária cumpriu seu dever.

4. Um dos que, sintaxe dupla – verbo no singular ou plural: “foi uma das cousas que mais me surpreenderam.” (Said Ali) “Uma das cousas que sempre agradou a Deus...” (Vieira).

5. Mais de um – verbo no singular, concordando com o substantivo; se houver idéia de reciprocidade, verbo no plural: Mais de um eleitor compareceu ao diretório. Mais de um aniversariantes se abraçaram na festa. (idéia de reciprocidade)

6. Quais, aqueles, quantos, poucos, muitos – verbo na 3ª pessoa do plural ou em concordância com o pronome que o acompanha; Quais de vós me acusareis? Quis de vós me acusarão? Muitos de nós seremos perdoados. Muitos de nós serão perdoados. Se o interrogativo estiver no singular (qual de nós, qual de vós...), o verbo ficará no singular indiscutivelmente: Qual de nós será interpelado? Qual dentre vós me defendeu?

7. Com - verbo no plural; a não ser que se atribua a ação a uma só personagem; nesse caso, verbo no singular: O estudante com seus companheiros faziam a desordem da classe. (ação participativa). A mãe com a filha viajaram para longe. (participação, isto é, ambas viajaram). O presidente com seus assessores encantou a multidão. (ação personalizada – só presidente encantou) A mãe com os filhos pequenos chorou sua viuvez. ( ação particularizada, verbo no singular).

8. Não só... mas também;tanto... quanto; tanto... como – verbo no singular ou plural, ambas as construções são corretas, embora seja preferível o plural: Não só o chefe mas também o gerente estavam arruinados. Não só a morte mas também a vida é mistério! Tanto a criança como o pai ampararam-se numa coluna e escorregaram até o chão.

9. Nem – aconselha-se o singular, se a idéia for de exclusão; o plural, se for de participação; Nem o pai nem o filho será eleito diretor. (nenhum dos dois: exclusão) Nem eu nem você nem seu irmão pode julga-los. (exclusão: ninguém) Nem o esporte nem o estudo o divertem. (participação) “Nem o pai nem Marcelo davam sinais de vida”.(participação). (Carlos de Oliveira)

10. Ou – se houver exclusão, verbo no singular; se participação, verbo no plural: Uma senhora ou uma adolescente será escolhida representante de classe. (verbo no singular: exclusão; não pode haver duas representantes). A felicidade ou a desdita residem no espírito de cada um. (verbo no plural; participação: ambas residem). “O último acerto ou o último erro é o que dá nome ao juízo de toda vida.” (Vieira) (idéia de exclusão, verbo no singular). Se o sujeito for interceptado por ou, com idéia de retificação, o verbo concordará com o mais próximo: Nenhum rastro deixou o assaltante ou assaltantes. O assaltante ou assaltantes não deixaram nenhum rastro.

11. Vocábulos de sentido quantitativo acompanhados de expressões no plural – verbo no singular ou no plural: Saíramà passeata perto de quinze mil operários. Menos de vinte pessoas compareceram à reunião. A maioria dos detentos obteve indulto de Natal “Em86, uma numerm de gafanhotos desceu sobre a lavoura.” (Érico Veríssimo).

12. Substantivos próprios, de forma plural – verbo no plural, se os nomes foremacompanhados por artigo; incluem-se títulos de obras: Os Estados Unidos fizeram um acordo. Os Lusíadas consagraram o gênero épico em Portugal Se o artigo estiver no singular ou ausente, o verbo irá para o singular: O Amazonas é considerado o pulmão do mundo. Vidas Secas, de Graciliano, retrata um quadro social do país.

13. Pronomes de tratamento – (Vossa escelência, Vossa Alteza, vosmecê, você) exigem o verbo na 3ª pessoa do singular: Aceite, Vossa Excelência, meus cumprimentos. Saiba, Vossa Alteza, que seus súditos o aguardam. “Vosmecêestá dormindo ou acordou?” (Osman Lins)

14. Que, quem – orelativo ‘que’ propõe a concordância com o antecedente. Já o relativo ‘quem’ leva o berbo para a 3ª pessoa do singular: Sou eu que decido. Fomos nós que o denunciamos. Somos nós quem fala. Fui eu quem pagou a conta. Fui eu que paguei a conta. Entretanto, encontram-se exemplos em escritores de nomeada em que o verbo concorda com o sujeito da oração principal: “Sou eu quem perco.”(Rui Barbosa) Sujeito 1ª pessoaverbo 1ª pessoa “Sou eu quem prendo aoscéus a terra.”(Gonçalves Dias)Sujeito 1ª pessoaverbo 1ª pessoa Pelas regras de concordâncias referidas, observa-se que o singular e o plural do verbo são freqüentemente permitidos.



Pelas regras de concordâncias referidas, observa-se que o singular e o plural do verbo são freqüentemente permitidos.



Fonte:
http://www.tarefadecasa.hpg.ig.com.br/concordanciaverbal.htm





Saiba mais

Buscas relacionadas a Concordância Verbal em Português.


[ Pesquisa escolar lida 8790 Vezes - Categoria: Português ]


Leia também! Assuntos relevantes.

Comunicação Verbal e Não-Verbal
A linguagem verbal é o nosso veículo de comunicação mais importante. A linguagem não – verbal consiste nos gestos, nas posturas que nos acompanha ...
Lido: 21989 Vezes

Verbos Transitivos Indiretos
São verbos que se ligam ao complemento por meio de uma preposição. O complemento é denominado objeto indireto. O objeto indireto pode ser represent...
Lido: 39263 Vezes

Estrutura do verbo (Radical | Terminação)
Estrutura do verbo (radical + terminação) O verbo possui uma base comum de significação que é chamada de RADICAL. A esse radical se junta, em cada fo...
Lido: 57799 Vezes

Verbos de regência oscilante
VTD ou VTI, com a prep. a: Assistir pode ser VTD ou VTI, com a prep. a, quando significar ajudar, prestar assistência. Minha família sempre assist...
Lido: 11779 Vezes

Regência nominal
A regência nominal estuda os casos em que um nome (substantivo, adjetivo ou advérbio) exige um outro termo que lhe complete o sentido. Normalmente, o...
Lido: 16699 Vezes

Verbos Defectivos
Os verbos defectivos são aqueles que, quando conjugados, não apresentam algumas formas. É o que ocorre com o verbo falir no presente do indicativo, os...
Lido: 2184 Vezes

Verbos Transitivos Diretos
São verbos que indicam que o sujeito pratica a ação, sofrida por outro elemento, denominado objeto direto. Por essa razão, uma das maneiras mais fácei...
Lido: 20115 Vezes

Substantivo
É a palavra que designa ou dá nome ao ser. Pode vir antecedido de artigo, pronome demonstrativo, possessivo ou indefinido. 1. Substantivo próprio: ...
Lido: 46000 Vezes

Concordância Nominal
É a concordância estabelecida entre um nome (substantivo ou palavras com valor de substantivo) e as palavras a ele relacionadas: adjetivo (artigos, n...
Lido: 10136 Vezes

Verbos Intransitivos
São os verbos que não necessitam de complementação. Sozinhos, indicam a ação ou o fato. Assistir será intransitivo, quando significar morar. Assis...
Lido: 16185 Vezes

Sugestão de Busca Escolar

Sites

Encceja
Enem
SISU
Prouni
Paixão e Amor
Curiosidades
Relacionamento

Fale Conosco
Feed / RSS

Comunidade no Google +
Comunidade no Twitter


Novidades no seu e-mail

Estudantes Online
Sobre o Grupo Escolar

GrupoEscolar.com - Todos direitos reservados

Todo o conteúdo do site é retirado da internet e/ou enviado pelos estudantes.

Caso algum conteúdo infrinja direitos autorais entre em contato que adicionaremos crédito ou retiraremos o mesmo.

As opiniões expressas nos textos são de responsabilidade dos seus autores.

Somos apenas um veículo de comunicação e não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.