7 sinais que indicam que você pode ter Diabetes Tipo 1

O Diabetes Tipo 1 é uma doença silenciosa, que chega quase de forma despercebida. Quanto antes as pessoas conseguem reconhecer os sintomas básicos, mais rapidamente elas podem iniciar o tratamento adequado para a doença.

Os primeiros sinais do problema podem ser a perda rápida e inexplicável de peso, uma sede constante e a necessidade de ir ao banheiro o tempo todo. Estes são sinais de que as células produtoras de insulina do pâncreas estão passando por um processo de destruição.

Vale dizer que o Diabetes tipo 1 é uma doença crônica, que faz com que o pâncreas pare de produzir insulina. Com isso, o açúcar começa a se acumular no sangue e outros sinais aparecem. Converse com o seu médico sobre os principais sintomas do diabetes tipo 1 e tire todas as suas dúvidas sobre a doença!


Leia também:
Doenças causadas pelo açúcar


Confira 7 sinais que podem indicar Diabetes Tipo 1


Teste Diabetes

1 – Vontade frequente de urinar - Sem insulina, o açúcar se acumula na corrente sanguínea. Os rins, que normalmente filtram o açúcar, rapidamente se tornam sobrecarregados. À medida que a glicemia aumenta, a glicose é descartada na urina, o que faz com que a pessoa sinta vontade frequente de ir ao banheiro. Sem tratamento, a micção frequente pode levar à desidratação e a danos nos rins.

2 – Aumento da sede - A sede excessiva, também chamada de polidipsia, é um sinal comum do diabetes tipo 1. À medida que o corpo perde fluido através da urina, a pessoa naturalmente bebe mais água para tentar reabastecer o que está perdendo.

3 – Perda de peso - A falta de açúcar faz com que as células busquem fontes alternativas de energia, o que leva a um emagrecimento inexplicável. O corpo começa a perder gordura e massa rapidamente.

4 – Cansaço - Se sentir muito cansado é um sintoma de diabetes tipo 1. Muitas vezes, as pessoas atribuem o cansaço extremo à falta de sono ou ao estresse do dia a dia, mas ele pode ser resultado do diabetes tipo 1.

5 – Cheiro frutado - Tanto o diabetes tipo 1 quanto o diabetes tipo 2 se enquadram no grupo do diabetes mellitus. As doenças fazem com que a urina fique com um cheiro doce, por conta da excreção do açúcar.

6 – Dor abdominal - A dor abdominal é um dos muitos sinais de cetoacidose diabética, quando as cetonas estão no sangue e atingem níveis perigosamente elevados. Outros sinais de cetoacidose diabética incluem dor torácica, náuseas e vômitos, respiração rápida, fraqueza, sonolência e confusão. A condição pode atingir níveis de crise dentro de 24 horas. Os principais recursos do tratamento são os fluidos intravenosos e a insulina.

7 – Visão embaçada - Os altos níveis de glicose na corrente sanguínea podem causar problemas de visão. Essa condição faz com que a lente ocular mude de forma, o que pode levar a uma visão desfocada. O quadro é reversível quando o açúcar no sangue está sob controle. É importante dizer que essa condição é diferente do dano ocular que pode ocorrer quando os níveis de açúcar no sangue se mantêm consistentemente elevados por longos períodos, o que pode levar, até mesmo, à cegueira.

Leia também! Assuntos relevantes