Durante o século XVIII, aconteceu um grande avanço no mundo da Química, fazendo com que ela se tornasse uma ciência bem fundamentada e os cientistas passaram a incluir o método científico nos seus estudos.

Através de estudos detalhados, aprofundados, com experiências cuidadosas, algumas importantes leis foram sendo introduzidas, de modo que conseguiam explicar como as reações químicas aconteciam, e como as substâncias se mantinham de forma regular de um modo geral.

Entre essas leis, encaixam-se as leis ponderais, que eram as leis que relacionavam as massas dos participantes de uma reação química.

Nas Leis Ponderais estão inclusas três leis, a “Lei de Proust”, a “Lei de Lavoisier” e a “Lei de Dalton”. Essas leis contribuíram de forma significativa para o avanço da Química como ciência, de forma que introduziram o método científico.

As Leis Ponderais foram essenciais para os estudos da estequiometria e de outras teorias que foram postuladas posteriormente. Elas estão relacionadas com as massas dos elementos químicos dentro das reações químicas.

Tubos de ensaio, quimica


Lei de Lavoisier (Lei da conservação da massa)

A Lei de Lavoisier é chamada de “Lei de Conservação de Massas” e foi introduzida pelo químico francês Antoine Laurent Lavoisier. Seu lema é:

“A soma das massas das substâncias reagentes em um recipiente fechado é igual à soma das massas dos produtos da reação”.

Hoje em dia, essa frase pode ser aplicada pelo seguinte enunciado: “Na natureza, nada se cria, nada se forma, tudo se transforma”. Essa frase foi baseada na célebre frase do Lavoisier, inspirada em sua Conservação de Massas, pois o químico descobriu que nas reações químicas os elementos não desaparecem, eles apenas são rearranjados e transformados em outros.

A experiência feita por Lavoisier resultou na transformação do Mercúrio (Hg) em contato com o Oxigênio (O), resultando no Óxido de Mercúrio II (HgO).

Feita dessa forma essa equação:
Mercúrio Metálico + Oxigênio = Óxido de Mercúrio

Com isso, Lavoisier fez vários experimentos, analisando as massas dos reagentes e dos produtos das reações químicas, o que o levou a descobrir que as massas dos elementos envolvidos, após entrarem em reação, são constantes, ou seja, a reação permaneceu com a mesma massa inicial.

Importante salientar que a Lei de Lavoisier só é aplicada em recipientes fechados.

Lei de Proust (Lei das proporções fixas)

Essa lei é conhecida como “Lei de Proporções Constantes” e foi descoberta pelo químico francês Joseph Louis Proust. Seu lema é:

“Uma determinada substância composta é formada por substâncias mais simples, unidas sempre na mesma proporção em massa.”

Sendo assim, Proust realizou diversas experiências e constatou que as massas dos elementos envolvidos nas reações químicas são proporcionais. Com isso, é explicado o número da massa dos elementos químicos e as suas proporcionalidades. Ou seja, algumas substâncias sempre irão reagir com outras substâncias, a partir de uma proporção definida de massas envolvidas.

Importante ressaltar que as massas dos elementos envolvidos podem sofrer alteração, entretanto, a proporção entre elas será sempre a mesma. Com isso, conclui-se que se a massa de um elemento da reação química é duplicada, os outros também serão.

Isso explica o processo de balanceamento das reações químicas e os cálculos estequiométricos.

Lei de Dalton (Lei das proporções múltiplas)

Quando duas substâncias simples reagem entre si para formar compostos diferentes, se a massa de uma delas permanecer constante, a massa da outra substância irá variar numa relação de números inteiros e pequenos. [ John Dalton (1766-1844)]

Leia também! Assuntos relevantes