Mecânica de Newton e a Mecânica Pós-Newton

Mecânica de Newton e a Mecânica Pós-Newton

Por

A mecânica de Newton faz parte da mecânica clássica, que abriu caminho para várias descobertas e evoluções da física. Newton se dedicou a estudar os fenômenos baseados na dinâmica do sistema conservativo ou não.

Newton revolucionou a ciência ao lançar sua teoria sobre o movimento. Ele criou as leis básicas da dinâmica e da gravitação, e foi o responsável pela universalidade das leis físicas.

Newton criou leis que constituem os três pilares fundamentais da Mecânica Clássica, ou Mecânica Newtoniana. Ele é o responsável por três importantes leis da física:

1ª Lei de Newton - Princípio da Inércia

2ª Lei de Newton - Princípio Fundamental da Dinâmica

3ª Lei de Newton - Princípio da Ação e Reação


Todos os estudos de Newton abriram caminho para o trabalho de outros pesquisadores. Newton deu importantes contribuições para o desenvolvimento de novas formulações da teoria da mecânica, como a mecânica analítica ou mecânica racional.

Newton foi o ponto de partida para a criação das equações básicas do movimento e da mecânica analítica. Depois de Newton, outros importantes físicos também contribuíram para a evolução da mecânica, como veremos a seguir.

Principais teorias da Mecânica Pós-Newton:

Jean Bernouilli - A mecânica pós-Newton, possibilitou que o físico Jean Bernouilli criasse o Princípio dos Trabalhos Virtuais, em 1717. Este princípio trabalha com o conceito de conservação de energia, grandeza central na formulação da mecânica clássica no período pós-newtoniano.

Euler – Newton também contribuiu com os estudos de Euler. Graças à mecânica de Newton, Euler foi capaz de trabalhar em diferentes aspectos da mecânica. Ele foi o responsável pela criação do conceito de força, grandeza responsável pela mudança do estado de movimento de uma partícula. Euler também estudou o movimento de um corpo rígido em torno de um eixo fixo e estabeleceu o conceito dos eixos principais de inércia.

Louis de Lagrange - Louis de Lagrange (1736-1813) também trabalhou para racionalizar a mecânica. Ele formulou o trabalho Mecanique Analytique, em 1788, e apresentou a mecânica sob uma nova formulação. Lagrange uniu os diferentes princípios que fundamentam a teoria mecânica para ajudar na solução de problemas.

Fermat – Fermat estabeleceu os princípios que explicam os fenômenos de reflexão e de refração da luz. Para isso, ele utilizou o "princípio de mínima ação".

Coriolis – Esse físico estudou o movimento do ponto de vista de um referencial acelerado e criou o efeito de Coriolis. Também foi responsável pelos estudos sobre a lei da composição das acelerações.

A mecânica pós-newtoniana também trabalhou muito com o movimento dos fluidos, que é conhecido como dinâmica dos fluidos ou hidrodinâmica. O físico Daniel Bernoullius, foi quem analisou a estática e a dinâmica dos fluidos.

Como podemos ver, depois da mecânica de Newton, uma longa história de descobertas e desenvolvimento da física foi escrita por vários estudiosos importantes.

Leia também! Assuntos relevantes