Cultura Indígena

Por

A cultura indígena tem sofrido grande influência do estilo de vida do homem moderno, fato que faz com que muito da essência dessa cultura seja perdida.

Na verdade, os índios nativos brasileiros sofreram, desde a colonização portuguesa, com a interferência direta do homem branco. Hoje, as tribos que ainda resistem tentam manter seus hábitos, costumes e tradições.

Na época da colonização, o Brasil contava com uma grande diversidade de tribos indígenas. No entanto, atualmente, os números oficiais mostram que apenas 350 mil índios habitam o país.

O número de índios no Brasil foi reduzido graças às doenças trazidas pelo homem branco, como gripes, sarampo e sífilis. Outros fatores fundamentais para a redução dessa população foram a escravidão, a catequização, a miscigenação e a dizimação.

A cultura indígena pode se diferenciar de uma tribo para outra, mas todas apresentam fortes crenças religiosas, superstições e tradições. De uma maneira geral, os índios acreditam na natureza e num deus, que pode ser chamado Tupã.

As sociedades indígenas contam com línguas, traços e organização social diferentes. No Brasil, os indígenas foram classificados em 11 áreas culturais: a Norte-Amazônica; a Juruá-Purus; o Guaporé; o Tapajós-Madeira; o Alto-Xingu; o Tocantins-Xingu; o Pindaré-Gurupi; o Paraná; Paraguai; o Nordeste e o Tietê-Uruguai.

Os índios vivem em aldeias e sobrevivem da caça, da pesca e da coleta de vegetais silvestres. Numa cultura de subsistência, os índios respeitam os ciclos da natureza e da floresta.

Veja também:
Principais Deuses Indígenas
Objetos indígenas
Como o índio se veste?

O país conta com tribos matriarcais, patriarcais, monogâmicas e poligâmicas.

Pontos interessantes da cultura indígena estão presentes em suas representações. Os índios usam e confeccionam acessórios, armas, arcos, instrumentos cortantes, enfeites plumários, cocares, braceletes, cintos, brincos, pilão, entre outros objetos. Eles ainda pintam o corpo e fazem suas próprias cerâmicas, tecidos e canoas.


Saiba um pouco mais sobre as diferentes culturas indígenas:
Ianomâmis - falam quatro línguas, vivem em ocas feitas de caibros encaixados, amarrados com cipó e revestidas de palha. Possuem características seminômades, são caçadores e acreditam em espíritos de animais.

Carajás - falam apenas uma língua, acreditam na transformação do homem em animais, vivem na região do rio Araguaia e cultivam milho, mandioca, batata, banana, cará, melancia, feijão e amendoim.

Guaranis – possuem língua própria, são migrantes e agricultores. Acreditam que a morte é somente uma passagem.

Tupis - a autoridade religiosa nas aldeias é o Pajé. Fazem uso da música e têm tradições que produzem efeitos hipnóticos.

Leia também! Assuntos relevantes