O Mapa Mundi, como o próprio nome sugere, é a representação cartográfica do planeta Terra. Por isso mesmo, ele também é chamado de planisfério.

A construção do mapa mundi é estudada pelos alunos brasileiros nas aulas de geografia. A intenção do Mapa Mundi é representar todas as formas reais do nosso planeta, projetando até mesmo as localizações dos dois hemisférios, que aparecem lado a lado.

Essa representação gráfica do planeta mostra a superfície da Terra em um plano. O Mapa Mundi teve diversas versões ao longo dos anos. Ele evoluiu na apresentação dos países e dos territórios mundiais.

As principais projeções do planeta criadas desde os tempos mais remotos são: a Projeção de Mercator, criada em 1569, por Geradus Mercator; a Projeção de de Peters, proposta por James Gall, em 1885, e atualizada por Arno Peters, em 1973; a Projeção de Robinson, criada por Arthur H. Robinson; entre muitas outras.

Ao todo, existem cerca de 11 representações distintas para o Mapa Mundi. São elas: Projeção de Mercator, Projeção de Peters, Projeção de Robinson, Projeção de Mollweide, Projeção de Albers, Projeção de Behrmann, Projeção de Hölzel, Projeção azimutal equidistante polar, Projeção de Van Der Grinten, Projeção descontínua de Goode e Projeção Sinusoidal.

Veja o mapa-múndi:
Mapa Mundi


O que os dados do Mapa-Múndi significam?

O mapa mundi (Mapa-Múndi, ou mapa-mundo) é a representação mais completa da Terra. Ele apresenta áreas, tamanhos e direções dos territórios do planeta, além de representar também os oceanos, continentes, ilhas, trópicos, países, entre outros elementos.

Confira as principais informações por categorias:

  • Trópicos – Trópico de Câncer, Trópico de Capricórnio.
  • Círculos – Círculo Polar Ártico, Círculo Polar Antártico.
  • Oceanos – Oceano Pacífico, Oceano Atlântico, Oceano Índico, Oceano Glacial Ártico.
  • Continentes – Oceania, Ásia, Europa, América, África, Antártida.

Na representação do Mapa Mundi, os hemisférios são unidos pelo meridiano de Greenwich. O mapa é considerado uma divisão política e regional do planeta, com a presença de suas ilhas, oceanos, países e fronteiras internacionais.

Este mapa também contribui para a compreensão da rede geográfica do planeta, formada por linhas imaginárias que determinam as coordenadas da superfície terrestre. As principais linhas imaginárias são os meridianos (de norte a sul) e os paralelos (perpendiculares ao eixo do planeta).

Os meridianos são linhas que definem longitudes e fusos horários. Já os paralelos definem a latitude. Neste contexto, é importante destacar a Linha do Equador (latitude 0°), que divide o planeta em dois hemisférios (norte e sul); e o Meridiano de Greenwich (longitude 0°), considerado o centro do planeta (divide a Terra em oriente e ocidente).

Leia também! Assuntos relevantes