Amebíase


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Amebíase

A amebíase ou disenteria amebiana é uma doença de difusão mundial causada pela Entamoeba histolytica, que se instala principalmente no intestino grosso humano.

Segundo estimativas, atinge mais de 50 milhões de pessoas em todo o mundo, causando de 40mil a 100 mil mortes anuais. Ao contrário do que se pode pensar, não se restringe apenas a países tropicais, mas é freqüente também nos clima frio. É a falta de condições higiênicas adequadas que condiciona sua disseminação.

A Entamoeba histolystica pode permanecer no organismo sem causar nenhum sintoma. A infecção assintomática é mais encontrada em países, como Estados Unidos, Canadá e países da Europa. As formas graves de disenteria amebiana têm sido registradas com mais freqüência na América do Sul, na Índia, no Egito e no México.

A transmissão da doença é feita por cistos eliminados com as fezes e ingeridos com água ou alimentos.


Ciclo Evolutivo
No seu ciclo evolutivo, a Entamoeba histolystica pode assumir quatro formas distintas:
trofozoíto "minuta", pequeno, até 20µm, mononucleado, com pseudópodes, vivendo no intestino, destituído de patogenicidade, alimentando-se de bactérias, muco e amido. Pode ser encontrado nas fezes não-disentéricas. Forma o cisto de transmissão desta protozzose;
cisto imaturo, forma arredondada, com núcleo grande e membrana pré-cística, que começa a se formar ao redor do protozoário. Forma-se quando as amebas na forma de trofozoíto "minuta" são arrastadas pela corrente fecal, na porção final do intestino grosso e reto;
cisto maduro, com quatro núcleos e dupla membrana protetora. É expelido com as fezes e representa a forma de transmissão. Vive até 4 semanas em condições favoráveis de umidade; porém, à temperatura de 50ºC, é destruído em poucos minutos;
trofozoíto "magna" ou tissular, forma invasora de tecidos, patogênica, medindo até 60µm, mononucleado, com pseudópodes, vacúolos digestivos contendo principalmente hemáceas. Não sobre encistamento e pode ser encontrado nas fezes de pacientes com disenteria amebiana.

O ciclo evolutivo começa pela eliminação de cistos juntamente com as fezes de um doente ou portador da doença. os insetos, podem ser considerados vetores mecânicos, pois, quando se alimentam de fezes contaminadas ou quando pousam nelas, contribuem para a disseminação e a transmissão dos cistos. O indivíduo sadio, ocasionalmente, poderá ingerir os cistos com água ou alimentos contaminados. Na cavidade intestinal, os cistos se rompem, liberando amebas na forma de trofozoíto.


Sintomas
O período de incubação é de 2 a 4 semanas. A disenteria amebiana aguda manifesta-se com quadro disentérico agudo, melena, cólicas abdominais, tenesmo, náuseas, vômitos, emagrecimento e fadiga muscular.


Profilaxia e Tratamento
• manter sanitários limpos;

• lavar as mãos antes das refeições e após a defecação;

• tratar os doentes e portadores assintomáticos;

• não usar excrementos, como fertilizantes;

• combater as moscas e baratas.

O tratamento consiste no uso de fármacos apropriados, como oxiquinolinas, diloxamid, nitroimidazóis, etc., muitas vezes combinados com antibióticos.

Lembre-se: não use qualquer medicamento sem prescrição médica.


Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.






[ Pesquisa escolar lida 67992 Vezes - Categoria: Doenças ]


Leia também! Assuntos relevantes.

Um pouco sobre a medicina moderna
Medicina moderna Com o estudo da anatomia humana e as leituras das obras greco-romanas, na Renascença, inicia-se, no final do século XV, a medicina ...
Lido: 14603 Vezes

Tuberculose
O que Você Precisa Saber Sobre Tuberculose Ao contrário do que muitos pensam, esta doença é muito freqüente em nosso país e mata milhares de pessoas ...
Lido: 13759 Vezes

Amnésia
É chamada de amnésia a perda total ou parcial da memória. Na maioria dos casos a falta de memória é por tempo determinado. São diversas as causas da...
Lido: 5563 Vezes

Doenças Renais
As doenças renais são aquelas que atacam os rins. Mas, antes de sabermos o que causa esse problema, vamos explicar o que são os rins humanos e como fu...
Lido: 2943 Vezes

Gota e Ácido Úrico
Muitos já devem ter ouvido falar de uma doença chamada gota, mas poucos sabem realmente do que se trata. Vamos tentar dar uma rápida visão do que é a ...
Lido: 7598 Vezes

Embolia Pulmonar
Embolia Pulmonar é o fechamento repentino da artéria pulmonar ou de um de seus ramos, provocado por bolhas de ar, fragmentos de tumores ou, mais freqü...
Lido: 9946 Vezes

Diabetes e Seus Tipos
Segundo a sociedade brasileira do diabetes, existem 2 tipos de diabetes. O diabetes Tipo 1 (DM1) é uma doença caracterizada pela destruição das c...
Lido: 5927 Vezes

Síndrome da Abstinência Alcoólica
O alcoolismo é uma doença grave, que deve ser corretamente tratada para não prejudicar de maneira irreversível àqueles que sofrem desse problema. Muit...
Lido: 3802 Vezes

Escabiose (Sarna)
Zoonoses são doenças naturalmente transmissíveis entre os animais e os seres humanos. 1. O agente da doença A Escabiose é uma doença causada por á...
Lido: 159417 Vezes

Sífilis
A sífilis é uma doença infecciosa transmitida pela bactéria Treponema pallidum. Esta doença sexualmente transmissível é perigosa e pode representar mu...
Lido: 778 Vezes

Estudantes Online | Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Sendo um veículo de comunicação, não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2014 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados