Dadaísmo

O dadaísmo foi um movimento artístico que aconteceu no século 20, sua ação era vanguardista, com o objetivo de criar uma nova estética, que pode ser sintetizada em uma frase bem marcante: destruir também é criar!

O movimento foi marcado pelo ato de protesto, por não ser racional, não ter lógica e tender para o surreal, antes mesmo do surrealismo. A abordagem irônica foi uma marca do dadaísmo.

Veja os pontos mais importantes do dadaísmo:

  • Ser um movimento de protesto e vanguarda;
  • Improvisar para ser irreverente nas criações;
  • Mostrar-se espontâneo;
  • Ser desordenado;
  • Valorizar o niilista e o anarquista;
  • Buscar a irracionalidade;
  • Ser contra a guerra;
  • Atacar os padrões da burguesia;
  • Ser pessimista e agressivo;
  • Não ser materialista;
  • Rejeitar o consumismo e o nacionalismo.

O dadaísmo foi criado por artistas importantes, sendo os principais os seguintes:

  • Tristan Tzara;
  • Ball, Emmy Hennings;
  • Marcel Janco;
  • Richard Huelsenbeck;
  • Sophie Tauber-Arp;
  • Jean Arp.

A fundação do Cabaret Voltaire foi feita em 1916 por esses agitadores. Este local, na Suíça, em Zurique, concentrou várias agitações culturais para manifestar uma nova forma de arte.

Tristan Tzara, poeta da Romênia, chamou este movimento de dadaísmo, sendo então o seu principal articulador, junto com Hans Arp e Hugo Ball.

O dadaísmo criticava o sistema, a Primeira Guerra Mundial e a burguesia, além da forma tradicional de se fazer arte. O tom irracional do movimento foi usado inclusive no nome, vindo de Cavalo de Madeira em francês, chamado de dadá. Sem lógica, como os artistas estavam manifestando. Por isso, muitos críticos chamam o dadaísmo de antiartístico.

No Brasil, o dadaísmo influenciou diversos artistas do modernismo, além da Semana de Arte Moderna. Os nomes que mais sofreram os efeitos do evento que surgiu na Europa foram os seguintes:

Na obra Ode ao burguês, de Mário de Andrade, a burguesia se torna o alvo principal dos versos, mostrando como o dadaísmo influenciou o autor. Na literatura, os autores começaram a desprezar as rimas e a zombar da estrutura da poesia.

Obra de Jim Warren, Imagination
Obra de Jim Warren

Era uma forma de fazer a antiarte, de mostrar que a arte não devia estar presa a um modelo, mas que a criatividade poderia inventar outra forma de a arte ser aplicada nas obras.

Um nome muito conhecido do dadaísmo, no mundo inteiro, foi o pintor, poeta e escultor Marcel Duchamp, nascido na França.


Veja:

Realismo Mágico na Literatura



Dadaísmo

Por

Compartilhe