George Boole (1815 - 1864)

George Boole foi um renomado matemático britânico. Ele nasceu em 2 de novembro de 1815, na cidade de Lincoln, na Inglaterra.

Filho de um sapateiro, Boole não viveu na riqueza e não teve a chance de se formar em instituições importantes. Mesmo assim, obteve uma excelente formação por conta de sua dedicação e profundo interesse pelas ciências exatas.

Quando criança, ele estudou na Escola Primária Lincoln. Em seguida, cursou uma Escola Comercial. Sua base educacional foi rudimentar e autodidata, dedicando-se profundamente ao estudo da Matemática.

O primeiro livro de George Boole foi publicado em 1840. Seu trabalho sobre cálculos operadores foi condecorado com medalha de ouro pela Royal Society em 1844.

No ano de 1847, o matemático lançou um estudo sobre análise lógica, introduzindo importantes conceitos acerca da lógica simbólica, com representações por meio de equações algébricas. Este trabalho, em especial, foi considerado extremamente relevante e se tornou a base para o desenvolvimento da programação dos computadores.

Segundo Boole, na álgebra existem três operadores: E, Ou e Não. São três funções únicas que podem ser usadas para operações de comparação e aritmética.


O impacto dos estudos de George Boole no mundo

Como mencionado, os estudos matemáticos de Boole foram importantes para o desenvolvimento dos computadores. Em 1937, Claude Shannon, um estudante do MIT, nos Estados Unidos, criou uma relação entre circuitos eletrônicos e a álgebra de Boole. Ele usou dois estados lógicos para avaliar as diferenças de potencial do circuito.

Este conceito da álgebra de Boole também está nos computadores modernos, que possuem gates lógicos que geram os resultados das operações com linguagem binária. Sendo assim, é possível afirmar que Boole contribuiu para a construção do conceito que norteia os computadores.


A educação autodidata de George Boole

George Boole sempre foi atraído por idiomas. Ele aprendeu latim aos 12 anos de idade. Aos 16, ele se tornou professor assistente da língua.

Boole foi autodidata na matemática. Ele estudava trabalhos de Laplace e Lagrange. Sua dedicação fez com que lhe fosse oferecida a oportunidade de estudar em Cambridge, mas Boole recusou porque precisava cuidar de seus pais. Continuou estudando por conta própria e desenvolveu seus trabalhos matemáticos com dedicação.

Boole se tornou famoso em sua época. Seu trabalho foi reconhecido por grandes matemáticos. Em 1840, ele foi escolhido para ocupar o cargo de professor principal de matemática na Queen´s College, em Cork, na Irlanda. Foi ali que o matemático viveu o resto de seus dias.

Ele trabalhou em estudos sobre as Leis do Pensamento, as Teorias da Lógica e das Probabilidades. Boole se casou em 1855, com Mary Everest. Sua esposa era grande admiradora de seu trabalho.

Em 1857, George Boole se tornou membro da Royal Society e foi homenageado nas Universidades de Dublin e Oxford. Outros estudos importantes do matemático foram sobre o cálculo de diferenças finitas, métodos gerais nas probabilidades e a propriedade básica dos números.

O matemático teve cinco filhas. Ele morreu jovem, em 1864, aos 49 anos de idade, em decorrência de uma pneumonia. Seus estudos marcaram gerações de matemáticos e cientistas e, atualmente, a Álgebra de Boole é aplicada no desenvolvimento dos mais avançados computadores do mundo.

George Boole (1815 - 1864)



Por

Compartilhe