Vulcão Puyehue

Por

Vulcão Puyehue: erupção no Chile, problemas na América do Sul
O Chile está situado em uma zona com grande movimentação de placas tectônicas e vulcões. Puyehue, o vulcão chileno mais conhecido, está situado na Cordilheira dos Andes, entre as regiões de Los Lagos e Los Rios, no sul do país. Sua altura é de mais de 2240 metros.

Puyehue entrou em erupção pela primeira vez nos anos 60, durante o terremoto de Valdívia.

Ele entrou em erupção novamente no dia 03 de junho de 2011. No dia seguinte à erupção, foi gerada uma nuvem de cinzas de uma altura aproximada de 10 mil metros. A Argentina foi diretamente afetada pelo vulcão. Bariloche, um dos centros turísticos do país, foi extremamente prejudicada.

No Chile, atividade vulcânica prejudicou também o sistema rodoviário. Depois de uma avalanche, a estrada que liga o país à Argentina teve o tráfego interrompido. Outros materiais vulcânicos, como rocha e areia, se espalharam pela região. Funcionários foram deslocados para fazer a limpeza do local.

A atividade vulcânica se estendeu por bastante tempo. Devido à grande nuvem de cinzas, o espaço aéreo do sul da América do Sul foi prejudicado. Vôos nacionais argentinos, uruguaios, e chilenos tiveram que ser suspensos. Durante os dias mais complicados, no Brasil os vôos para Poro Alegre, capital do Rio Grande do Sul, foram cancelados. Além disso, os vôos internacionais também foram adiados.

A erupção do Vulcão Puyehue mostra que a natureza é imprevisível. Resta ao homem saber respeitá-la quando ela se manifesta, para o próprio bem da humanidade.

Juliana Miranda - Equipe do GrupoEscolar.com

Leia também! Assuntos relevantes