Titulação

Por

Titulação é um processo físico pelo qual é possível determinar a concentração de substâncias de natureza ácida ou alcalino-básica nas composições.

Quando temos uma substância ácida de concentração desconhecida usamos uma base de concentração conhecida para determinar a concentração do ácido. O mesmo acontece quando a base tem concentração desconhecida.

A titulação é bastante utilizada em química analítica quantitativa. Trata-se de uma técnica volumétrica. Por ela, a medição dos volumes determina a concentração de uma solução utilizando outra solução, chamada de solução padrão.

O objetivo da técnica é gerar uma reação entre ácido e base. O ponto de equivalência da reação é atingido quando o número de moles do ácido se iguala ao número de moles da base.

O processo é feito utilizando uma bureta, um suporte universal e um erlenmeyer. Pela titulação, podemos determinar a concentração de uma solução com a adição lenta de outra solução. As duas soluções reagem rapidamente até se atingir o ponto de equivalência ou ponto final, determinado com o auxílio de um indicador.


As titulações podem ser classificadas da seguinte forma:
Titulação de ácido-base – é aquela em que a substância química a dosar é um ácido ou uma base;

Titulação de precipitação – é utilizada quando as reações levam à formação de precipitado;

Titulação de oxidação-redução – é aquela na qual existe transferência de elétrons entre o titulante e o titulado;

Titulação de complexação – é aquela utilizada para dosar elementos que dão origem a um complexo estável.


Na titulação, a solução de concentração é chamada titulante e a concentração que se pretende determinar é chamada titulado. Uma titulação ideal é aquela em que o ponto final visível coincidirá com o ponto final estequiométrico.

Leia também! Assuntos relevantes