Teoria da dissociação eletrolítica de Arrhenius

Teoria da dissociação eletrolítica de Arrhenius

Teoria da dissociação eletrolítica de Arrhenius - Quando uma substância dissolve-se em água, vai-se dividindo em partículas cada vez menores.Em alguns casos, essa divisão pára nas moléculas e a solução não conduz a corrente elétrica. Em outros casos, a divisão vai além de moléculas; estas dividem-se em partículas ainda menores, com carga elétrica, denominadas íons.

Nestes casos, a solução conduz a corrente elétrica.

Dissociação iônica é a separação dos íons de uma substância iônica, quando ela se dissolve na água.

Ionização é a formação de íons na reação de uma substância molecular com a água, quando esta substância molecular nela se dissolve.

Condutividade elétrica de substâncias puras (100%)

Composto iônico: conduz somente quando fundido.

Composto molecular: não conduz em nenhum estado físico.

Condutividade elétrica em solução aquosa

Composto iônico: conduz.

Composto molecular: conduz ou não, dependendo do fato de haver ou não reação de ionização entre o composto dissolvido e a água.

Leia também! Assuntos relevantes