Roupas Típicas do Canadá

Roupas Típicas do Canadá

Por

As roupas típicas do Canadá surgiram da necessidade da população nativa de se proteger do frio.

As roupas tradicionais do Canadá surgiram da necessidade de se proteger do frio, tendo em vista que o país tem um inverno bastante rigoroso. As culturas nativas do Canadá usavam muitas peles de animais para permanecer quente. Mais tarde, quando o cultivo do algodão se tornou frequente no país, essa matéria-prima se tornou essencial para a confecção de roupas.

Grande parte das roupas típicas do Canadá teve origem nos séculos 17 e 18. Essas peças tradionais são extravagantes e decoradas ao bom estilo britânico ou francês. Esse vestuário tradicional conta com vestidos, ricamente cortados, e coletes masculinos.

As roupas dos nativos do Canadá também seguem estilos tradicionais das tribos indígenas, que contam com muitos ornamentos. Os homens nativos tradicionais usam cangas, que são basicamente um pedaço retangular de pano ou couro, que é preso por um cinturão. Essa peça é acompanhada por leggings de couro.

Outras tribos usavam calças longas, camisas de camurça decoradas com pelo e miçangas. Já os índios da região nordeste de Québec usavam bastante couro para confecção de vestuário. Eles, muitas vezes, usavam casacos feitos da pele dos animais que caçavam.

O vestuário nativo canadense era feito com pigmentos retirado a partir de plantas. A roupa mais tradicional é encontrada na região onde vivem os “Inuits” – esquimós do Ártico, uma das regiões mais frias da Terra. Eles vestem luvas e calças feitas de pele de foca. Os calçados tradicionais podem ter até quatro camadas de couro para proteger os pés do frio.

As roupas dos esquimós são feitas com a pelagem voltada para dentro e forradas com pele de urso ou de raposas.

Atualmente, os canadenses usam muito parkas, long john – um tipo de roupa de baixo parecida com ceroulas, cachecóis, protetores de orelha, casacos de couro, botas feitas com pelo de animais, como ovelhas, mocassins, luvas e casacos de lã.

Leia também! Assuntos relevantes