Pensamento Pedagógico - Sociedade - Currículo


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Pensamento Pedagógico - Sociedade - Currículo

Por Josilene Queiroz Santos

INTRODUÇÃO:
Veremos os problemas ainda existentes em nosso século, a necessidade da escola ter uma gestão educacional democrática onde gestores, professores, alunos e comunidade participem.

Um currículo voltado ao desafio de ensinar a todos, de inclusão, que considere as diversidades culturais, políticas e sociais de nosso país.


PENSAMENTO PEDAGÓGICO, SOCIEDADE E CURRÍCULO
Existem metas divulgadas pela ONU para serem atendidas. E quanto a educadores estamos envolvidos também a atingir essas metas.

Segundo a ONU, somos um país violento e economicamente pobre. É na educação que pode ocorrer essas mudanças juntamente com os órgãos políticos envolvidos. Então pode afirmar que a educação é um agente que oferece oportunidades para as pessoas , diminuindo os problemas sociais e econômicos.

Pensar na escola como um agente de mudanças e o Estado com sua responsabilidade perante a sociedade é ter a esperança de uma educação digna para todos.

Ter uma educação com qualidade é necessário analisar o currículo escolar, pois afeta o desenvolvimento do aluno. É necessário considerar que o currículo deve ir de encontro com a realidade histórica, cultural e social da comunidade e não continuar no mesmo erro de nossos contemporâneos, pois houve muitas mudanças e o currículo deve acompanhar essas mudanças.

O currículo é uma ferramenta complexa que pode assumir posturas mais tradicionais ou mais libertadoras. O currículo faz parte do projeto pedagógico, fazendo possível a ligação entre a cultura e a sociedade. Segundo Sacristán(1999, p.147): “(...) que ao falar de escola e de educação escolarizado situamo-nos diante de fenômenos que ultrapassam o âmbito da transmissão da cultura como conjunto de significados desinteressados que nutrem os currículos escolares”.

Nas décadas de 1960 a 1970 destacam a existência de vários níveis de currículo: Formal, Real, e Oculto.
. O currículo Formal, é composto em diretrizes curriculares, objetivos e conteúdos das áreas ou disciplina de estudo.

. O currículo Oculto porque não aparece no planejamento do professor. Ele é oculto representa tudo o que os alunos aprendem diariamente.

. O currículo Real, é composto da realidade dentro de sala de aula.

O currículo deve ser pensado frente ao desafio de ensinar a todos e, portanto, como trabalhar a partir de um currículo com as diferenças nas formas de aprender e na cultura.

Segundo Moreira e Silva(1997), iniciou-se o pensamento curricular nos anos 20 e 30 do século XX, que tinha influêwncia dos Estados Unidos. Os conteúdos escolares sofreram influência da educação Jesuítas e também das idéias sociológicas de Comte e Durkheim.

A história Brasileira tem se carasterizado ao longo do seu desenvolvimento com grandes perdas e exclusões, sendo a minoria privilegiadas. Enquanto componentes de uma sociedade que se pretende democrática, tem se que desejar por uma educação de qualidade e acessível a todos. Entretando, essa procura não deve permitir qualquer tipo de exclusão, sob nenhum pretexto. Logo, torna-se os ideais e garantias legais sejam conhecidas com maior profundidade diante das condições reais da educação escolar pública e obrigatória.

Somente partir deste conhecimento pode-se identificar os principais pontos de mundanças necessária para o alcance de qualidade que se espera das escolas. A inclusão educacional é, certamente, o caminho definitivo para que deixemos de ser o país de maior riqueza (potencial) e, ao mesmo tempo, palco das maiores injustiças sócias.

Adimitir que o currículo não é um elemento inocente e neutro de transmissão desinteressada do conhecimento social (Moreira), ele não pode ser negligenciado nos processos de educação que pretendem contemplar as características culturais dos alunos a que se destina. E, neste sentido, critica-a porque, ao usar preferencialmente um “código elaborado”, condiciona fortemente o que se aprende e como se aprende, favorecendo as crianças cujo ambiente e cultura familiares estão na continuiddade deste código e limitando aquelas que não o dominam porque pertencem a classes com código lingüístico restritos.

Uma escola para todos e em que todos são diferentes, exige que cada professor a capacidade e a flexibilidade para inover e contribuir para um ensino de qualidade.

Para mudar a realidade do currículo escolar é necessário que todos estejam envolvidos nessa mudanças. Formar alunos em ser crítico e questionar constantemente é o conhecimento que vale para o mundo de hoje. É nossa responsabilidade enquanto educadores mudar o ensino para melhor e transformar o aluno de hoje em seres críticos . Deixar de ter o mesmo currículo educacional do século XIX, como disse Roldão.

Precisamos fazer ajustes necessários para acompanhar as mudanças, onde os alunos de hoje são cada vez mais livres, autônomos e independentes.



Referências:
- Pesquisa na internet em 20/03/08
. HTTP:educação.go.gov.br
.http: WWW.educabrasil.com.br
- Apostila (pedagogia, móduloII)
-Texto sugerido


Texto enviado às 10:39 - 15 de dezembro de 2010
Autor: Josilene Queiroz Santos

Licença: Creative Commons License





Saiba mais

Buscas relacionadas a Pensamento Pedagógico - Sociedade - Currículo em Pedagogia.


[ Pesquisa escolar lida 11050 Vezes - Categoria: Pedagogia ]


Leia também! Assuntos relevantes.

A Importância da Camada Superficial de Solos para a Sociedade Brasileira
Talvez não exista no âmbito da Geologia de Engenharia e da Agronomia recomendação técnica mais simples, clara e de tamanha importância para as ativida...
Lido: 14498 Vezes

Émile Durkeim - Karl Marx - Max Weber - Cultura e Sociedade
CULTURA E SOCIEDADE ÉMILE DURKEIM (1858-1917 ) Émile Durkeim, francês, um dos fundadores da sociologia moderna, utilizou métodos científicos para r...
Lido: 60211 Vezes

As Sociedades Americanas
Até o século XV, o continente americano era controlado por algumas sociedades nativas, como os Incas, os Maias e os Astecas. As sociedades american...
Lido: 1983 Vezes

Sociedade Indígena
História da América Sociedade Indígena Quando os europeus chegaram na América, encontraram dois tipos de sociedades: primitiva e civilizada. No...
Lido: 22657 Vezes

Sociedade Árabe
Antes da formação e consolidação da sociedade Árabe, os povos da Arábia eram compostos por diversas tribos semitas. A sociedade árabe só começou a se ...
Lido: 3970 Vezes

Sociedade: A Grande Massa Falida
O que poderíamos entender por uma sociedade justa? Poderíamos dizer que uma sociedade justa é aquela que vela pelos seus filhos mais necessitados, con...
Lido: 5990 Vezes

A Sociedade Egípcia
A sociedade egípcia era governada e dominada pela figura do faraó. Era ele quem detinha o poder religioso, administrativo, judicial e militar do Antig...
Lido: 3174 Vezes

A Sociedade Fenícia
A sociedade fenícia ocupou a região do mediterrâneo oriental por volta do ano 2000 a.C. Essa civilização ficou conhecida como a grande navegadora do M...
Lido: 12549 Vezes

A Sociedade Hebraica
A sociedade hebraica se estabeleceu na região da Palestina. O povo hebreu vivia sob um regime monárquico, onde o rei controlava todos os poderes. A so...
Lido: 13057 Vezes

Sugestão de Busca Escolar

Sites

Encceja
Enem
SISU
Prouni
FIES
Relacionamento

Fale Conosco
Feed / RSS

Comunidade no Google +
Comunidade no Twitter


Novidades no seu e-mail

Estudantes Online
Sobre o Grupo Escolar

GrupoEscolar.com - Todos direitos reservados

Todo o conteúdo do site é retirado da internet e/ou enviado pelos estudantes.

Caso algum conteúdo infrinja direitos autorais entre em contato que adicionaremos crédito ou retiraremos o mesmo.

As opiniões expressas nos textos são de responsabilidade dos seus autores.

Somos apenas um veículo de comunicação e não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.