O Reino Fungi


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


O Reino Fungi

Por Amara Maria Pedrosa Silva

Compreende um grupo particular de seres conhecidos como fungos ou eumicetos (do gr. eu = bem, verdadeiro, perfeito e mykes = cogumelo).

Nele se enquadram organismos eucariontes unicelulares e pluricelulares, mas suas células muito longas, as hifas, não apresentam contornos bem definidos, formando uma massa contínua com muitos núcleos, o micélio.

Os tipos maiores como as orelhas-de-pau e os portadores de um píleo (chapéu) em forma de sombrinha são conhecidos como cogumelos.

Não se deslocam livremente e são heterótrofos por absorção (digestão extracorpórea).

Suas células apresentam uma parede celular formada por quitina.

O glicogênio é seu carboidrato de reserva.

Reproduzem-se por meio de esporos.

A parte aérea dos cogumelos macroscópicos é na realidade o seu órgão reprodutor, chamado de corpo de frutificação.

Os unicelulares e microscópicos podem ser parasitas ou desenvolvem ação fermentativa, sendo chamados de leveduras ou fermentos.

Alguns produzem antibióticos e outros formam o mofo ou bolor.

Entre os macroscópicos existem espécies comestíveis e outras extremamente venenosas.

Eles se dividem em várias classes como os ficomicetos, ascomicetos, basidiomicetos e outras.


Ficomicetos: são microscópicos quando isolados, mas em conjunto podem assumir formações macroscópicas. Algumas espécies são parasitas de plantas, atacando as batatas, cereais e videiras; outras provocam doenças em animais como o gênero Saprolegnia que parasita os peixes; outras provocam o mofo ou bolor dos alimentos como o Rhizopus stolonifer (mofo negro) e o Mucor racemosus (mofo branco-esverdeado). O Aspergillus fumigatus provoca uma reação alérgica respiratória nos seres humanos.

Ascomicetos: do gr, ascon = bolsa, saco e mykes = cogumelo. Constituem a classe mais numerosa. Sua característica é a presença de esporos (ascóporos) que se desenvolvem dentro de hifas especiais em forma de pequenas bolsas ou sacos chamados de ascos. São comuns os ascomicetos bem desenvolvidos e comestíveis. Entre os microscópicos destacamos o Penicillium notatum, produtor da penicilina; os P. camembert e P. roquefortii usados na fabricação dos queijos camembert e roquefort; e o Saccharomyces cerevisiae ou levedura de cerveja, usado na fabricação de cerveja, pão, cachaça, etc., e que provoca a fermentação alcoólica do açúcar. "Arpergillus" e "Penicillium" são ascomicetos relativamente comuns sobre frutos podres, que dão a cor azulada às laranjas emboloradas e que se reproduzem por conidiósporos.

Basidiomicetos: compreende a maioria dos cogumelos de jardim e cogumelos comestíveis. Sua característica é a formação de hifas especiais chamadas basídios, com aspecto de clava, que se desenvolvem nas bordas das lamelas encontradas na parte inferior do píleo, onde ficam os esporos. São exemplos importantes a Amanita muscaria (cogumelo mata-mosca) extremamente venenosa e do qual se extraem a muscarina e o LSD, que atuam sobre o sistema nervoso central; e o Cantharellus cibarius ou agárico que é comestível.


Alguns fungos formam associações mutualísticas com algas, constituindo os liquens.

As algas, sendo clorofiladas, produzem carboidratos que nutrem o fungo. Estes, por sua vez, absorvem água e sais minerais do ambiente, facilitando a vida da alga.

O Lecanora esculenta se desenvolve nos desertos, incluindo o Saara; é suculento e comestível, provavelmente terá sido o ‘maná do céu’ que alimentou os hebreus na sua fuga do Egito.

Na espécie humana alguns fungos microscópicos causam doenças conhecidas como micoses.

Entre as mais comuns temos a impigem ou pitiríase, aspergilose pulmonar, frieira ou pé-de-atleta e candidíase ou monilíase (vaginal, intestinal e sapinho). As micoses que atacam a pele são chamadas genericamente de dermatomicoses.

Juntamente com as bactérias, os fungos desempenham papel vital na reciclagem da matéria ao decompor os restos orgânicos, transformando-os em compostos inorgânicos e devolvendo-os ao ciclo natural.


Autor: Amara Maria Pedrosa Silva
Fonte: http://www.aprendaki.webcindario.com/textos/classificacao.htm
Licença: Creative Commons License




Leia também! Assuntos relevantes.

Fungos Venenosos
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. Os fungos (Fungi) são um vasto grupo de organismos classificados como um reino denominado Fungi, pertencente...

Doenças causadas por fungos
Os fungos são organismos eucariontes unicelulares ou multicelulares que incorporam seus alimentos por absorção: as células de seu corpo eliminam enzim...

Virus, bactérias, protozoários e fungos
Os vírus, bactérias, protozoários e fungos estão englobados na categoria de microrganismos, seres vivos que só podem ser visualizados com a ajuda de u...

Fungos
Por Juliana Miranda, GrupoEscolar.com. Resumo sobre Fungos Os fungos fazem parte do reino Fungi, que conta com organismos encontrados em ambientes t...

Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, estudos, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Somos um veículo de comunicação. Não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia ou reprodução de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2015 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados