O Espaço Urbano Brasileiro

O Espaço Urbano Brasileiro

Por

O espaço urbano brasileiro passou por muitas mudanças ao longo dos anos. A urbanização efetiva do país começou a acontecer a partir do desenvolvimento industrial.

A criação de grandes áreas urbanas, metrópoles e pólos tecnológicos é fruto da migração, da imigração, da expansão do sistema de transportes, do exôdo rural e do desenvolvimento econômico e social do país.

Hoje, o que vemos é um predomínio da cidade sobre o campo. As áreas urbanas são consideradas de maior interesse econômico.

As maiores metrópoles nacionais são: São Paulo e Rio de Janeiro. Essas duas cidades comandam a vida econômica do país e são ligadas pela maior estrada brasileira: a Rodovia Presidente Dutra.

Algumas cidades dessa região são amplamente urbanizadas e economicamente importantes, como São José dos Campos, Taubaté, Volta Redonda, Campinas, Ribeirão Preto e Bauru.

O Brasil também conta com sete metrópoles regionais: Porto Alegre, Curitiba, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Fortaleza e Belém.

A urbanização brasileira esteve relacionada com o aumento da pobreza e o surgimento de grandes favelas e áreas periféricas do país. Essas áreas não contam com serviços de infraestrutura, como saneamento básico, escolas e sistema de transporte coletivos. Isso acaba levando essa população a uma condição de vulnerabilidade social.

Hoje, o espaço urbano brasileiro é dominado pelo grande tráfego de veículos, e a carência por fontes de energia e investimentos sociais. Conforme, a população brasileira cresce nas áreas urbanas, os governos encaram mais desafios para promover o desenvolvimento do país.

Vamos entender melhor a estrutura do espaço urbano brasileiro a partir de alguns conceitos:

Distritos - São unidades administrativo-territoriais que compõe o município. São criados para garantir a descentralização e a melhor distribuição dos serviços públicos. São comandados pelo sub-prefeito.

Município – É uma divisão territorial-administrativa, governada pelo prefeito.

Cidades turísticas – Têm no setor de turismo sua principal fonte de renda.

Cidades industriais – São importantes pólos industriais e de tecnologia. Economia baseada no setor industrial.

Cidades portuárias - São cidades próximas a portos, como São Sebastião e Santos.

Leia também! Assuntos relevantes