Nudibrânquio

Por

Comumente conhecidos como lesmas-do-mar, os nudibrânquios são moluscos da classe Gastropoda, ordem Nudibranchia.

Devido à delicadeza de suas formas e beleza das cores, são agrupados entre os mais belos invertebrados marinhos existentes. A concha, típica dos moluscos está ausente. O corpo é mole, achatado dorso-ventralmente, com uma cabeça diferenciada contendo tentáculos orais, olhos e rinóforos (tentáculos modificados, com função quimiorreceptora). O corpo é constituído por um longo e musculoso pé ventral, branquias dorsais e estruturas especializadas denominadas cerata, cuja função principal é aumentar a superfície do corpo.

A respiração é feita pelas brânquias, pelos cerata e pela própria superfície do corpo.

Alimentam-se de invertebrados bentônicos, principalmente cnidários como hidróides e gorgônias. As células urticantes de suas presas podem passar intactas pelo trato digestivo da lesma-do-mar, sendo acumuladas na extremidade das ceratas. Com isso, o animal adquire uma forma de proteção contra seus próprios predadores. Os cerata têm formas e cores muito variadas, podendo ser filiformes, globosos, em forma de cachos ou em forma de clava. Outra forma a de defesa é a produção de ácido sulfúrico em glândulas da pele, tornando seu gosto muito desagradável aos predadores. A coloração viva dos nudibrânquios serve de alerta a estes predadores.

São animais hermafroditas, podendo haver fecundação cruzada. Do ovo eclode uma larva planctônica a qual se desenvolve por alguma semanas e se estabelece no substrato após a metamorfose.

Leia também! Assuntos relevantes