Malambo

O Malambo nasceu nas sociedades pampianas, por volta de 1600. Dentro dos bailes é uma exceção, pois é um verdadeiro contraponto de sapateado dos homens: é uma dança masculina. Cada variação na forma de sapatear se chama “mudança”, ou seja, figura distinta, e como é lógico, vence o duelo quem consegue superar o seu rival nas variedades de recursos. As “mudanças” são executadas por rigorosos turnos e ao som de um rasguido na guitarra, cujos tons se repetem infinitamente. dizem que há “malambeadores” capazes de fazer 50 ou mais “mudanças”. Do que se poder ter certeza é que alguns de seus cultivadores, pela agilidade, sentido rítmico, elegância e resistência física, seriam melhores que muitos bailarinos clássicos, sem desmerece-los.

O Malambo foi, nos bailes tradicionais, o que a payada de contrapunto no canto: um verdadeiro torneio de habilidades.

Leia também! Assuntos relevantes