Louis de Lagrange

Por

Joseph Louis Lagrange foi um importante matemático que viveu no século XVIII. Ele nasceu em Turim, na Itália, em 25 de janeiro de 1736. O pai de Lagrange era tesoureiro de guerra da Sardenha, e sua mãe, Marie-Thérése Gros, era filha de um rico físico.

Lagrange se encantou pela matemática aos 17 anos de idade, quando leu um trabalho de Edmund Halley sobre o uso da álgebra na óptica. Depois disso, Louis Lagrange começou a se dedicar ao estudo da matemática e estabeleceu contatos com Leonhard Euler e Giulio di Fagnano.

Depois de ter avançado em seu conhecimento sobre a área, ele se tornou professor de matemática na academia militar local. Aos 19 anos, Lagrange apresentou a resolução matemática para um problema conhecido como isoperimetral. Com isso, sua genialidade foi reconhecida.

Lagrange foi o responsável pela invenção de uma nova área da matemática: o cálculo variacional. Com isso, Louis Lagrange foi colocado entre os grandes matemáticos do século XVIII.

Em 1759, Lagrange fundou a Academia de Ciências de Turim. Ele continuou desenvolvendo estudos e ganhou vários prêmios da Academia Parisiense de matemática, garantindo seu reconhecimento em toda a Europa.

Aos 23 anos de idade, Lagrange aplicou o cálculo diferencial à teoria da probabilidade. Ele acabou eleito como membro estrangeiro da Academia de Ciências de Berlim em 2 de outubro de 1759.

Em 1766, Lagrange se mudou para a Prússia, onde viveu por 20 anos. Ele também atuou como diretor da divisão físico-matemática da Academia de Berlim. Nesse tempo, fez importantes observações astronômicas.

Aos 51 anos, Lagrange passou a viver uma fase de exaustão nervosa. Ele começou a falar pouco e a se sentir triste e distraído, como se tivesse perdido o gosto pela matemática.

Depois da Tomada da Bastilha, em 1789, o matemático passou a viver de uma pensão. Em 1797, foi indicado para professor da Escola Politécnica. Seu último trabalho científico foi a revisão e complementação da Mécanique Analytique (Mecânica Analítica).

Joseph Louis Lagrange morreu no dia 10 de abril de 1813, aos 76 anos de idade.