Ligações entre átomos e entre moléculas

Ligações entre átomos e entre moléculas

Por

Na química, estudamos as ligações entre átomos e entre moléculas. De uma maneira básica, podemos dizer que quando duas forças distintas agem no interior de uma matéria, temos uma relação de forças intermoleculares, ou seja, forças que atuam de forma intramolecular, envolvendo dois átomos ou mais.

As forças intramoleculares também podem ser chamadas de ligações químicas. Os principais tipos de ligações químicas são: do tipo iônico, covalente ou metálico. Estas ligações químicas podem ser conceituadas como a união de átomos para formar moléculas. Nas ligações iônicas e metálicas, temos aglomerados atômicos.

Como ocorrem as ligações químicas?

As ligações químicas ocorrem por meio da doação e recepção de elétrons entre os átomos. Esses elétrons transformam-se em íons unidos, formando uma ligação iônica. Os compostos iônicos são aqueles que conduzem eletricidade apenas nos estados líquidos ou dissolvidos.

Existem regras que devem ser obedecidas nas ligações entre átomos e moléculas. Entre essas regras está o fato de que a união entre átomos acontece apenas quando existe afinidade, contato, energia e outros fatores favoráveis.

Um outro tipo de ligação química é aquela que ocorre pelo compartilhamento de elétrons, dando origem a uma ligação covalente. Por fim, temos também a ligação metálica, que é aquela na qual os elétrons que estão nas últimas camadas dos átomos de metal se soltam e passam a movimentar-se entre os íons.

Nas ligações químicas acontece a união estável de átomos, que dá origem às moléculas, que, por sua vez, são a base para a formação da matéria.

Leia também! Assuntos relevantes