Ligação Iônica

Ligação Iônica

Por

Em química, chamamos de Ligação Iônica o tipo de ligação entre elementos baseada na atração eletrostática entre dois íons carregados e de cargas opostas. Uma ligação iônica apresenta a característica de um metal doar um elétron para a formação de um íon positivo ou de um cátion.

Um exemplo é o sal de cozinha, onde as ligações entre os íons de sódio e cloreto são iônicas. As ligações iônicas se formam entre um metal e um ametal.

Nesses casos, os íons se atraem em razão da existência de forças eletrostáticas. A ligação iônica só acontece se a variação da energia total da reação for favorável, ou seja, quando os átomos ligados têm energia mais baixa que os átomos livres.

As ligações iônicas apresentam grau de ligação covalente ou ligação metálica. Estes compostos têm um alto ponto de fusão e são solúveis em água.

Assim, podemos dizer que temos uma Ligação Iônica quando ocorrem ligações entre íons positivos (cátions) e negativos (ânions), pois a ligação iônica é resultado da alteração entre íons de cargas elétricas contrárias. Nesse contexto, temos que:

Uma ligação iônica é resultado da combinação Metal + Não Metal.

A capacidade do átomo de ganhar ou perder elétrons é chamada valência.

Leia também! Assuntos relevantes