Lei de Lenz


 Compartilhar no facebook
 Compartilhar no twitter


Lei de Lenz

Segundo a lei de Lenz, qualquer corrente induzida tem um sentido tal que o campo magnético que ela gera se opõe à variação do fluxo magnético que a produziu.

Matematicamente, a lei de Lenz é expressa pelo sinal negativo que aparece na expressão da Lei de Faraday.

Para discutir a lei de Lenz vamos considerar uma bobina constituída de muitas espiras conectada a um amperímetro e um imã de campo magnético intenso que se aproxima dessa bobina com o pólo norte virado para ela.


A corrente induzida na espira tem o sentido indicado na figura porque, assim, gera um campo magnético cujo pólo norte se confronta com o pólo norte do imã. Os dois pólos se repelem, ou seja, o campo gerado pela corrente induzida se opõe ao movimento do imã.

Quando o imã é afastado da espira, a corrente induzida tem sentido contrario àquele indicado porque, assim, gera um campo magnético cujo pólo sul se confronta com o pólo norte do imã. Os dois pólos se atraem, ou seja, o campo gerado pela corrente induzida se opõe ao movimento de afastamento do imã.

O fato expresso na lei de Lenz, de que qualquer corrente induzida tem um efeito que se opõe à causa que a produziu, é a expressão, nesse contexto, do princípio de conservação da energia.

Se a corrente induzida atuasse no sentido de favorecer a variação do fluxo magnético que a produziu, o campo magnético da espira teria um pólo sul confrontando o pólo norte do imã que se aproxima, com o que o imã seria atraído no sentido da bobina.

Então, se o imã estivesse em repouso em relação à bobina e uma pequena quantidade de movimento na direção da bobina lhe fosse comunicada, ele seria atraído no sentido da bobina, sua velocidade aumentaria e, com isso, aumentaria a intensidade da corrente induzida, que geraria um campo mais intenso que, por sua vez, atrairia o imã com uma força maior e sua velocidade aumentaria mais ainda e assim por diante.

A pequena energia cinética inicial cresceria sem qualquer influência externa, violando o princípio de conservação da energia.

Fonte:
http://www.ufsm.br/gef/Eletro13.htm




Leia também! Assuntos relevantes.

Animais diurnos
Os animais com hábitos diurnos são aqueles que possuem dois tipos de fotorreceptores: os bastonetes e os cones. Esses animais conseguem projetar image...

Animal que começa com a letra N
Pode até ser difícil lembrar de uma espécie animal que comece com a letra N, mas existem alguns tipos de animais que têm essa letra como inicial. Conf...

Os processos de imantação
Os processos de imantação são: Por indução magnética: Consiste em colocar um corpo a ser imantado nas proximidades de um ímã. Isto é, o corpo sofre...

O Movimento Yosoy132, Primavera Mexicana
O movimento Yosoy132, também conhecido como Primavera Mexicana, foi uma onda de protestos contra um candidato à presidência do México. A revolta levou...

Tráfico de Animais no Brasil
A diversidade das espécies encontradas no Brasil sempre foi alvo da cobiça internacional. Isso porque, o Brasil possui a maior reserva de biodiversida...

Animais que vivem no solo
Existem muitas espécies de animais que vivem no solo. É possível dizer que a terra apresenta grande diversidade de seres vivos. Alguns desses animais ...

Clima, Agricultura e Economia do Continente Europeu
A Europa é um dos continentes mais ricos do mundo. A região compreende a península ocidental da Eurásia, e é limitada pelo Oceano Glacial Ártico, pelo...

Animais vivíparos
Os animais vivíparos são aqueles que possuem desenvolvimento embrionário, ou seja, que são formados dentro do organismo materno. Nesse tipo de animal,...

Enzimas industriais
As enzimas atuam como catalisadores em células vivas de animais e vegetais, ajudando na realização de reações bioquímicas. A partir da energia de ativ...

Lima Barreto
Afonso Henriques de Lima Barreto nasceu no ano de 1881, no Rio de Janeiro. Ele foi um importante escritor e jornalista brasileiro. Antes de conquis...

Fale Conosco | Feed / RSS | Google + | Twitter |

Novos assuntos sobre educação no seu e-mail

Site destinado a educação, estudos, informação e pesquisa escolar. Não incentivamos a prática de trabalhos escolares prontos.

Somos um veículo de comunicação. Não compactuamos com nenhuma opinião sobre nenhum tema.

Cópia ou reprodução de conteúdo somente se citada a fonte.

© 2015 - Grupo Escolar - Todos direitos reservados