Insuficiência Venosa Crônica

Insuficiência Venosa Crônica

Por

A Insuficiência Venosa Crônica é uma doença caracterizada pelo surgimento de varizes nas pernas, além de outros sintomas. O problema é complexo e afeta cerca de 30% das mulheres no mundo.

Trata-se de uma doença crônica e evolutiva. Ao longo do desenvolvimento da patologia, os pacientes podem apresentar um escurecimento da pele, além de dor, sensação de queimação e um inchaço evidente. Em casos mais graves, a doença pode também levar ao surgimento de feridas nas pernas.


A cicatrização se torna lenta.

A insuficiência venosa crônica (IVC) é considerada uma síndrome clínica. Os sintomas são edema, hiperpigmentação e lesões ulcerosas nos membros inferiores. Em muitos casos, a doença dificulta a vida social e altera drasticamente os hábitos de vida dos pacientes.

Embora seja uma doença mais frequente nas mulheres, a IVC também pode atingir os homens. Esta doença é extremamente incapacitante e tem um tratamento difícil por causa da obstrução venosa e dos problemas valvulares que provoca.

O diagnóstico da doença pode acontecer por meio de avaliação do quadro clínico, métodos não invasivos e métodos diagnósticos invasivos. A obesidade é um problema que pode provocar ou agravar a insuficiência venosa crônica.

Por se tratar de uma doença que afeta o fluxo sanguíneo dos membros inferiores, a insuficiência venosa crônica prejudica toda a circulação, provocando o impedimento da passagem do sangue pelas veias, levando a inflamações ou veias coaguladas. O principal tratamento para esse problema inclui mudanças nos hábitos de vida, uso de antibióticos, pomadas, meias elásticas e, finalmente, o tratamento cirúrgico.

Vale lembrar que a doença é causada pela falência das válvulas das veias, impedindo o seu funcionamento correto. Procure um médico no caso de sintomas como dores nas pernas, úlceras e varizes aparentes nas pernas.

Leia também! Assuntos relevantes